PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Maior contratação do Fla, Vitinho vira garçom e dá sinal de vida

Vitinho melhorou nos últimos dois jogos e deu três assistências para gols do Flamengo - Divulgação/Flamengo
Vitinho melhorou nos últimos dois jogos e deu três assistências para gols do Flamengo Imagem: Divulgação/Flamengo

Do UOL, no Rio de Janeiro

20/10/2018 04h00

Vitinho chegou com o status de maior contratação do Flamengo após o clube abrir os cofres e pagar 10 milhões de euros (cerca de R$ 40 milhões) junto ao CSKA-RUS. A empolgação foi geral, mas os primeiros jogos do atacante com a camisa rubro-negra decepcionaram. Tanto que ele passou a ser vaiado por parte da torcida, insatisfeita com o baixo desempenho.

Com a chegada de Dorival Júnior, no entanto, o jogador cresceu e muito de produção. Prova disso é que Vitinho deu três assistência nos dois últimos jogos e foi peça-chave para o Flamengo vencer Corinthians e Fluminense por 3 a 0 – ainda participou diretamente de um dos gols marcados por Paquetá diante dos paulistas.

Qual o segredo para Vitinho ter melhorado tanto com Dorival? Uma das possibilidades foi a entrada de mais um volante no time principal.

Com o meio de campo mais fortalecido fisicamente sem Diego, o jogador tem tido mais liberdade para participar das ações ofensivas, já que o novo treinador tem usado Willian Arão entre os titulares.

Ao lado de Cuéllar, o volante tornou o Flamengo um time mais sólido defensivamente. Prova disso é que são seis gols feitos e nenhum sofrido nestas últimas três partidas. Coincidentemente, ficou evidente o crescimento de Vitinho em campo.

“Sempre jogamos para frente, é o DNA do Flamengo, mas com o Barbieri as coisas não estavam encaixando, fluindo. Com o Dorival, as coisas acontecem naturalmente, as bolas chegam mais para os jogadores de beirada. Dorival deu uma chacoalhada no vestiário”, disse Pará que ficou em cima do muro ao comentar a possibilidade da volta de Diego.

“Para mim, não muda. Até porque, o Diego tem característica de marcação. Flutua pelo meio, mas fecha espaços. E o Arão é um volante que chega ao ataque, mas também tem poder de marcação”, completou o lateral direito do Flamengo.

A questão que fica é a seguinte. Conseguirá Vitinho manter o bom rendimento mesmo que a volta de Diego ao time titular se confirma para a próxima partida contra o Paraná, em Curitiba? Uma boa dor de cabeça a ser resolvida pelo técnico Dorival Júnior.

Esporte