PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Apesar de crise do São Paulo, quarteto mantém rendimento e agrada Aguirre

Hudson é um dos destaques do São Paulo, mesmo em tempos de crise da equipe - Pedro Vale/AGIF
Hudson é um dos destaques do São Paulo, mesmo em tempos de crise da equipe Imagem: Pedro Vale/AGIF

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

20/10/2018 04h00

O São Paulo tenta dar a volta por cima no Campeonato Brasileiro. Neste sábado (20), às 19h, no Morumbi, contra o Atlético-PR, o Tricolor busca a sua primeira vitória após cinco jogos na competição. Por isso, em tempos de crise, é normal notar a queda de produção de alguns jogadores. Porém, tem um quarteto no elenco que manteve o bom rendimento na competição mesmo sem o brilho do restante da equipe.

Hudson, Reinaldo, Bruno Alves e Diego Souza não ficaram aquém do esperado e conseguiram se manter entre os titulares. Após empréstimo para o Cruzeiro, o volante voltou ao São Paulo sem muito alarde. Aos poucos, mostrou serviço e conquistou a confiança de todos. Com Aguirre no comando, ele virou um dos líderes do elenco e passou a assumir até a braçadeira de capitão.

Reinaldo também voltou ao São Paulo nesta temporada depois de um tempo longe do clube. O lateral esquerdo, que estava emprestado para a Chapecoense no ano passado, enfrentou a desconfiança da torcida para virar um dos principais nomes do time. Polivalente, ele ainda deu conta do recado ao substituir Everton quando foi deslocado para a ponta. 

Bruno Alves é outro que era considerado zebra no início do ano na disputa por uma vaga no time. Na batalha com Rodrigo Caio, Anderson Martins e Arboleda, ele aproveitou as oportunidades que teve e convenceu. Mesmo com o rodízio no setor imposto pelo treinador, ele mostrou segurança independentemente que quem fosse a sua dupla na zaga.

Por fim, Diego Souza pode não ter conseguido balançar as redes nos últimos dois jogos do São Paulo (Internacional e Palmeiras), mas poucas vezes teve a chance de chegar ao gol. Mesmo nestes cinco jogos sem vencer do Tricolor, ele ainda deixou a sua marca nos empates com o Botafogo e o Bahia - desta maneira, se isolou na liderança da artilharia do time no ano, com 14 gols.

Outro lado

Enquanto o quarteto segue com a confiança do técnico Diego Aguirre, alguns jogadores perderam o status de titular na equipe. Antes badalados, Nenê e Jucilei devem começar o jogo deste sábado no banco de reservas. Longe dos seus melhores dias, o meia pode ser substituído exatamente por Diego Souza, que deve ser deslocado para o meio de campo. Já Jucilei provavelmente perderá o lugar para Luan.

Ficha Técnica

São Paulo x Atlético-PR

Data: 20 de outubro de 2018
Horário: 19h (horário de Brasília)
Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (PE)
Auxiliares: Clóvis Amaral da Silva (PE) e Cleberson do Nascimento Leite (PE)

São Paulo: Jean; Araruna, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Luan, Hudson e Diego Souza; Rojas, Tréllez e Everton Felipe (Gonzalo Carneiro, Caique ou Nenê). Técnico: Diego Aguirre.

Atlético-PR: Santos; Jonathan, Zé Ivaldo (Paulo André), Thiago Heleno e Renan Lodi; Wellington, Bruno Guimarães e Raphael Veiga; Marcelo Cirino, Nikão e Pablo. Técnico: Tiago Nunes.

Esporte