PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Única unanimidade de Felipão, Weverton volta a sofrer com dores

Do UOL, em São Paulo

27/08/2018 04h00

São sete jogos de Luiz Felipe Scolari no comando do Palmeiras, com cinco vitórias, dois empates e nenhum gol sofrido. O treinador conseguiu a solidez mesmo com constantes trocas no setor defensivo, exceção feita ao goleiro Weverton. Porém, o único titular em todas as partidas com Felipão vem sofrendo com problemas físicos.

Em 12 de agosto, Weverton precisou ser substituído contra o Vasco com desconforto muscular e deu lugar a Jaílson no intervalo. Ele foi submetido a exames, que não constataram lesão.

O goleiro se recuperou a tempo e jogou normalmente as três partidas seguintes. Já no último domingo (26), o dono da meta palmeirense voltou a reclamar de dores contra o Internacional, recebeu atendimento médico três vezes, mas ficou em campo até o fim.

A permanência dele foi fundamental, já que Weverton fez grande defesa no segundo tempo após cabeçada de Cuesta na entrada da pequena área. O goleiro também fez uma defesas importantes contra América-MG, Vitória e Bahia.

"A gente pediu para o Weverton para que ele, se desse, continuasse. Ele sente um pouco a coxa, mas, para quinta, acho que ele estará em condições, porque ele só continuará o tratamento. Ele ficou em campo, porque a gente tinha as substituições quase que definidas, e ele nos ajudou", disse Felipão, já pensando na partida contra o Cerro Porteño, na próxima quinta-feira, pela volta das oitavas de final da Libertadores. O Palmeiras venceu a ida por 2 a 0.

Rodízio defensivo

Para a decisão no torneio continental, inclusive, ficam duas dúvidas: Weverton joga? Qual será a defesa titular? Enquanto o goleiro será avaliado nos próximos dias, a resposta para a segunda pergunta pode estar nas escalações do treinador.

Nos sete jogos com o Palmeiras, Felipão repetiu três vezes a zaga com Mayke, Edu Dracena, Antônio Carlos e Diogo Barbosa e utilizou duas vezes Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Luan e Victor Luis.

A primeira escalação foi titular nos jogos de mata-mata da Libertadores (contra o Cerro) e Copa do Brasil (contra o Bahia). Já a segunda formação foi usada contra Vitória e Internacional, ambos pelo Campeonato Brasileiro, onde Scolari vem utilizando um time misto.

Fora isso, o técnico estreou contra o América-MG com Mayke, Luan, Thiago Martins e Victor Luis e depois ainda teve Mayke, Gustavo Gómez, Luan e Victor Luis diante do Vasco.

Esporte