PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Diante de lanterna, Corinthians de Loss aposta em repetições contra má fase

Com aproveitamento abaixo de 40%, Loss busca recuperação - Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians
Com aproveitamento abaixo de 40%, Loss busca recuperação Imagem: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

25/08/2018 04h00

Com quatro jogos seguidos sem vencer e em queda na classificação do Campeonato Brasileiro, o Corinthians tenta se recuperar neste sábado (24), em Itaquera, contra o Paraná Clube. E apesar da sequência forte de jogos e da má fase, o treinador Osmar Loss optou por dar sequência à mesma base das partidas recentes. É um sinal de que o caminho deve ser mantido também para quarta, contra o Colo-Colo, em decisão pela Libertadores.

No compromisso deste sábado, a única novidade em relação aos últimos jogos é a presença do centroavante Roger. Na ausência de Romero, suspenso por expulsão na quarta passada, Loss optou por uma nova configuração ofensiva, com um atacante de referência. A prioridade era Jonathas, mas o reforço corintiano da posição voltou a acusar um problema físico pela segunda vez desde a Copa - desta vez, um desconforto muscular.

A aposta é em uma nova postura, com basicamente os mesmos jogadores, para reverter a maré ruim do Corinthians. Em reação a mais um resultado negativo, o presidente Andrés Sanchez deu votos de confiança ao treinador Osmar Loss e cobrou jogadores internamente. Ele priorizou o futebol nos últimos dias: foi ao Maracanã e aos dois últimos treinamentos antes de pegar o Paraná.

Há alguns fatores que também levam Loss a evitar mudanças drásticas no time, que iniciou o pós-Copa com melhor rendimento em boa parte dos jogos. Evitar que o grupo perca confiança em momento decisivo da temporada e o pouco tempo para treinar mudanças são pontos que justificam essa decisão do treinador. Jogadores como Pedro Henrique, Clayson e Pedrinho, por exemplo, demonstram queda recente de rendimento.

A rigor, a única mudança de rota além da saída de Romero tem sido a preferência por Ralf, que fará seu terceiro jogo seguido neste sábado. Como Gabriel está suspenso para o duelo com o Colo-Colo, a ideia é já dar rodagem ao experiente meio-campista que retorna depois de longa inatividade. Também com um raciocínio de projeção para o jogo de Libertadores, o chileno Araos fica em segundo plano, já que não pode mais atuar na competição.

Dessa maneira, a maior oportunidade está nas mãos de Roger. Adquirido como opção para o setor no começo de maio, o centroavante anotou dois gols antes da Copa, mas tinha projeção de aumentar seu rendimento com uma sequência de treinos e melhor preparação durante a parada ocasionada pelo Mundial. Apesar de voltar como titular, ele não rendeu bem e, na hierarquia, havia sido ultrapassado por Jonathas, que perdeu a chance de jogar neste sábado por desconforto.

CORINTHIANS x PARANÁ CLUBE

Data: 25 de agosto de 2018, sábado
Horário: 19h (de Brasília)
Competição: Campeonato Brasileiro (21ª rodada)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva e Bruno Raphael Pires (ambos GO)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Pedro Henrique, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Douglas; Pedrinho, Jadson e Clayson; Roger (Jonathas). Treinador: Osmar Loss

PARANÁ CLUBE: Richard; Diego Tavares, Cléber Reis, René e Igor; Alex Santana, Leandro Vilela e Johnny Lucas; Caio Henrique, Rafael Grampola e Silvinho. Treinador: Claudinei Oliveira

Esporte