PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Adiamentos farão Atlético-PR jogar uma partida a cada 4 dias no próximo mês

Jogadores do Atlético comemoram: maratona à vista - Miguel Locatelli/Site Oficial do Atlético-PR
Jogadores do Atlético comemoram: maratona à vista Imagem: Miguel Locatelli/Site Oficial do Atlético-PR

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

23/08/2018 17h38

O adiamento do jogo contra a Chapecoense pela 20ª rodada do Brasileirão transformou a rotina do Atlético Paranaense numa maratona até o Derby contra o Paraná, marcado para 23 de setembro na Arena da Baixada. Serão nada menos que nove jogos em 30 dias, numa média de uma partida a cada quatro dias. Tudo começa neste sábado (25), contra o Grêmio, na Arena da Baixada.

O time ficará em Curitiba até o dia 2 de setembro fazendo outros dois jogos: Vasco, no dia 29, e o Bahia, na data antes citada. Depois os jogadores farão uma miniturnê pelo país: Palmeiras em São Paulo no dia 05 de setembro, Atlético-MG em Belo Horizonte no dia 9 e o jogo adiado com a Chapecoense, em  Santa Catarina, em 13 de setembro. Essa partida e o jogo contra o Vasco são jogos que foram adiados por diferentes circunstâncias.

Depois de encarar a Chape, o Furacão volta a Curitiba pegar o Fluminense em 16 de setembro e então atravessa o continente para o jogo de ida das oitavas da Copa Sul-Americana contra o Caracas, na Venezuela, em 19 de setembro. Então o time volta à Curitiba e encara o Paraná, na Arena da Baixada, no dia 23 do próximo mês. Só aí é que o técnico Tiago Nunes terá uma “folga” de sete dias sem jogos, até visitar o Santos no dia 30 de setembro.

Esporte