PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Indisciplina desfalca Palmeiras e é problema a ser resolvido por Felipão

Felipe Melo recebe cartão amarelo no começo da partida contra a Ponte Preta - Marcello Zambrana/AGIF
Felipe Melo recebe cartão amarelo no começo da partida contra a Ponte Preta Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Do UOL, em São Paulo

28/07/2018 18h00

O Palmeiras enfrenta o Paraná, neste domingo, às 11h, no Allianz Parque, com três jogadores suspensos, dois deles titulares absolutos. Edu Dracena e Felipe Melo, além de Luan, reserva imediato para a defesa. Além disso, estão pendurados Deyverson, Hyoran, Dudu e William. Os desfalques não são algo atípico. O alviverde é o time mais indisciplinado do Campeonato Brasileiro, e isso é um problema a ser resolvido a partir da próxima semana pelo novo treinador Luiz Felipe Scolari.

São 52 cartões amarelos que dão a liderança do ranking do brasileiro ao Palmeiras. Felipe Melo é o líder do ranking, com nove recebidos em apenas 12 partidas. O numero de expulsões também é alto: quatro, igualando o total recebido na edição de 2017 do Brasileirão.

Com 23 pontos, o Palmeiras está atualmente fora do G4 (sexto lugar), vive momento de instabilidade política e críticas da torcida. A expectativa da diretoria é de uma rápida retomada, que pode ser prejudicada com a constante ausência de titulares. Se neste domingo jogará sem Dracena, o alviverde corre o risco de perder Dudu e William para o confronto do próximo fim de semana, fora de casa, contra o América-MG.

Aí que entra em cena Felipão. O comandante é parte de uma mudança de perfil no comando do Palmeiras. Depois de apostar em treinadores mais jovens, o clube decidiu trazer um nome experiente, de peso, o chamado "medalhão". Na avaliação dos dirigentes, alguém capaz de assumir o controle do elenco.

Além de tirar dos atletas o rendimento com a bola nos pés, o controle esperado de Felipão passa pela parte disciplinar. O estilo "paizão" do treinador, conhecido por ser disciplinador, foi um fator que pesou na contratação.

Felipão, entretanto, ainda não comanda a equipe neste domingo. Resolvendo problemas particulares em Portugal, o novo comandante só deve ser apresentado na semana que vem. Quem estará no banco de reservas diante do Paraná é Wesley Carvalho, técnico do Sub-20.

Na vaga de Edu Dracena, Thiago Martins deve ser o substituto. No meio, dúvida entre Thiago Santos, em uma formação mais defensiva, ou Lucas Lima. No ataque, Artur ganha a vaga de Gustavo Scarpa.

Palmeiras x Paraná

Local: Allianz Parque, em São Paulo

Data e horário: domingo, às 11h (de Brasília)

Arbitragem: Wagner Reway (MT), auxiliado por Kleber Lucio Gil (SC) e Eduardo Goncalves da Cruz (MS)

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Antônio Carlos, Thiago Martins e Diogo Barbosa; Thiago Santos (Lucas Lima), Bruno Henrique e Moisés; Artur, Willian e Dudu. Técnico: Wesley Carvalho

PARANÁ: Thiago Rodrigues; Júnior, Cléber Reis, Renê Santos e Mansur; Leandro Vilela, Alex Santana, Caio Henrique (Carlos Eduardo ou Carlos) e Nadson; Rodolfo e Silvinho. Técnico: Rogério Micale

Esporte