PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Em 'chance final', Marcelo Oliveira muda time e melhora Flu após Copa

Do UOL, no Rio de Janeiro

23/07/2018 04h00

Marcelo Oliveira estava em baixa no mercado quando foi contratado pelo Fluminense. Afinal, vinha de trabalhos ruins em times grandes como Palmeiras e Atlético-MG e ainda participou da campanha que rebaixou o Coritiba. O treinador, portanto, tinha uma ‘chance final’ no Tricolor.

Ao substituir o identificado Abel Braga, Marcelo se viu em situação complicada. O treinador optou por dar fim ao esquema com três zagueiros e, de volta ao 4-4-2, montou uma equipe que tem se entregado defensivamente, além de levar perigo aos adversários. Um time equilibrado, como ele destacou durante o período de treinamentos.

O fato é que o Fluminense voltou melhor do recesso da Copa do Mundo. Com boas atuações, o Tricolor está invicto tendo jogado dois jogos como visitante. Primeiro, arrancou empate com o Vasco em São Januário. Em seguida, triunfo sobre o Sport, na Ilha do Retiro.

A próxima partida será das mais complicadas, já que o Fluminense medirá forças com o Palmeiras, no Maracanã. Além do adversário qualificado, o Tricolor terá pelo menos três desfalques, já que Sornoza, Dodi e Richard receberam o terceiro cartão amarelo e cumprirão suspensão automática.

“A parte ruim é que perdemos jogadores. Nesse momento ainda não pensei em nada. Vamos ver os jogadores que estão voltando. Talvez o Gilberto retorne, o Luciano seja regularizado... Essa situação é ruim, mas acontece com todos os clubes em algum momento. O que cobro os jogadores é não levar aquele cartão desnecessário, bobo, que é o chutinho na bola, falta no meio de campo. Agora o cartão normail, faltas providenciais, de marcação, isso acontece com todas as equipes. Não devemos lamentar quem vai sair, mas valorizar quem vai entrar”, disse Marcelo Oliveira.

Nos dois jogos após o recesso da Copa do Mundo, o Fluminense marcou três gols, todos anotados por Pedro. Por outro lado, viu a bola parar nas redes de Julio Cesar em duas oportunidades. Em ambas, o goleiro teve falha individual.

O Fluminense volta a campo na quarta-feira, quando receberá o Palmeiras, no Maracanã. O Tricolor é o 11º com 18 pontos após 14 rodadas do Campeonato Brasileiro.

Esporte