PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Defesa volta a ser pesadelo e Atlético-MG agiliza busca por novo zagueiro

Atlético-MG sofreu dez gols em cinco partidas como visitante neste Brasileirão - Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro
Atlético-MG sofreu dez gols em cinco partidas como visitante neste Brasileirão Imagem: Bruno Cantini/Clube Atlético Mineiro

Victor Martins

Do UOL, em Belo Horizonte

20/07/2018 04h00

Já são 19 gols sofridos em 13 rodadas. O desempenho ruim da defesa, a segunda mais vazada do Campeonato Brasileiro, faz com que a diretoria do Atlético-MG agilize a busca por um novo zagueiro. Das 13 partidas no Brasileirão, o Galo só não foi vazado em duas vezes, contra Corinthians e Cruzeiro, ambas no Independência.

O que não é exatamente uma novidade para o Atlético. Entre 2015 e 2017 o Galo sempre terminou o Brasileiro entre as dez defesas mais vazadas. Mesmo com o histórico ruim, o setor defensivo foi o menos reforçado pelo clube nas últimas temporadas. Desde janeiro de 2016 foram seis zagueiros contratados e nenhum se firmou. O equatoriano Erazo foi quem ficou mais tempo na equipe titular, mas sempre muito contestados.

O clube também tem utilizado bastante os defensores formados nas categorias de base. Gabriel, Bremer e Jesiel foram alguns dos garotos que receberam oportunidades nesse período. Gabriel se consolidou como titular, condição que ocupa desde outubro de 2016. Bremer foi negociado após pouco mais de 30 partidas e Jesiel nem faz parte do elenco atleticano, está emprestado ao Paraná.

Na parada do Brasileiro para a Copa do Mundo, o Galo já apresentava números ruins. Era a sexta defesa mais vazada. O que não foi suficiente para fazer a diretoria ir atrás de reforços para o setor. Tanto que dos seis contratados, cinco foram para o setor ofensivo, além do volante José Welison.

O pedido pela contratação de um zagueiro só aconteceu após Bremer ser vendido para o Torino, da Itália. A derrota para o Grêmio só expôs a fragilidade defensiva atleticana. Para solucionar o problema, ou pelo menos amenizar, o Atlético busca por um zagueiro experiente. O pedido partiu do técnico Thiago Larghi. E o primeiro nome que surge como opção para reforçar o Galo também vem do futebol italiano. Maurício, de 29 anos, da Lazio, recebeu uma sondagem atleticana.

Esporte