PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Coritiba blinda jogadores e fecha acesso em semana decisiva

Jogadores do Coxa não concederão entrevistas antes do jogo de domingo - Assessoria CFC
Jogadores do Coxa não concederão entrevistas antes do jogo de domingo Imagem: Assessoria CFC

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

28/11/2017 20h14

Por determinação da diretoria do clube, os jogadores do Coritiba não irão conceder entrevistas antes do final do jogo contra a Chapecoense, no domingo às 17h em Santa Catarina. O Coxa precisa vencer para confirmar presença na Série A em 2018 e, em caso de não triunfar, torce para que Sport e Avaí tenham resultados iguais ou piores que o seu, sobe pena de cair de divisão.

De acordo com o aviso à imprensa passado pelo Coxa, a ideia é “manter o foco apenas na decisão”. Desta forma, fugindo da rotina habitual, os atletas coxas-brancas não atenderão aos repórteres que acompanham o dia a dia do clube.

Com 43 pontos na 16ª posição, o Coxa é o primeiro time fora da zona de rebaixamento, enquanto que a Chapecoense é a nona colocada com 51 e ainda tem chances de disputar a Copa Libertadores em 2018. Ao time de Chapecó, é necessária uma vitória sobre o Coritiba e tropeços de Flamengo, Vasco ou Botafogo, ao menos dois deles, considerando apenas o G7. O Brasil pode classificar nove equipes para a Libertadores se Grêmio e Flamengo vencerem as copas Libertadores e Sul-Americana deste ano, respectivamente. 

Esporte