PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Empresário de Pablo detona Corinthians e diz que zagueiro não irá ao Fla

Rodrigo Gazzanel/Corinthians
Imagem: Rodrigo Gazzanel/Corinthians

Do UOL, em São Paulo

27/11/2017 17h16

A novela Pablo contra o Corinthians ganhou mais um episódio nesta segunda-feira (27). Em entrevista ao programa +90, do Esporte Interativo, o empresário do zagueiro Fernando César criticou a diretoria do clube, e afirmou que o zagueiro não tem nada acertado com o Flamengo.

Perguntado sobre a reação de Pablo ao ter ficado fora do empate em 2 a 2 contra o Atlético-MG, no 'jogo da taça', César detonou o presidente Roberto de Andrade. "A decepção (do Pablo) foi total (em não participar das comemorações). Tive problemas sérios em conversar com ele, porque a decepção foi total, porque toda a dificuldade que eu tive na negociação foi mostrada para o público em razão da atitude do presidente. Vocês estão vendo que tipo de pessoas eu tive que negociar nesse tempo todo."

Ao explicar o que deu errado na negociação, o agente do zagueiro afirmou que o clube está devendo. "O Pablo não acertou com o Corinthians por uma coisa muito simples. Nós pedimos 40% do valor das luvas no valor do salário e o resto das luvas parceladas e colocadas na carteira. Foi por isso que o Pablo não acertou com o Corinthians. Nós pedimos isso porque o Corinthians não pagou ninguém neste ano. Não pagou empresários, não pagou luvas, nada. E para não perder tudo nós queríamos garantir ao menos 40%."

Sobre o futuro de Pablo, César afirmou que ainda não houve propostas de nenhum clube. "Número um: ele não vai para o Flamengo, porque o Flamengo não fez proposta. Eu tive uma única reunião com o Flamengo em que eu avisei o Corinthians e o Flamengo não me procurou. Número dois: Não houve um clube que me ligou até agora. Número três. Eu nunca liguei para o presidente do Palmeiras oferecendo o Pablo."

Contato? Só do Bordeaux

Logo depois, em entrevista à Fox Sports, César falou que o único contato de outro clube sobre Pablo foi do cartola francês Stéphane Martin. "O que eu tenho hoje são as boas vindas do presidente do Bordeaux, que disse que gostaria que o Pablo voltasse para lá."

O agente ainda desafiou Andrade e disse que pode divulgar os registros das conversas com os dirigentes alvinegros. "Tudo que o estão falando é uma mentira, é uma transferência de responsabilidade, querem culpar um atleta que sempre foi exemplar. E mais. A qualquer momento, se o presidente quiser, eu mostro os documentos, e as conversas trocadas no WhatsApp e todas as mensagens trocadas. É muito simples."

O empresário disse que havia combinado com a diretoria de que o anúncio da não permanência de Pablo no Corinthians seria feito depois da festa pelo título. "Na sexta o (Flávio) Adauto me ligou e disse: 'Precisamos de uma resposta hoje'. Eu liguei para o Alessandro, disse que não aceitaríamos, e sugeri: 'Ele vai para o jogo e depois do jogo vocês anunciam que não vamos aceitar' e combinei com o Alessandro".

Importante no hepta alvinegro, o zagueiro deverá receber uma premiação pelo título. No entanto, Fernando César revelou que o clube ainda tem débitos referentes ao Campeonato Paulista. "Eu não sei porque eles não pagaram prêmio de ninguém até agora nem do Campeonato Paulista, nem bicho, nem nada. Se o Corinthians não der a medalha eu vou buscar uma na CBF. Estou cansado de mentiras e de transferência de responsabilidade."

Esporte