PUBLICIDADE
Topo

Esporte

No Palmeiras de "altos e baixos", Tchê Tchê repete 2016: é quem mais joga

Tchê Tchê lidera, pelo 2º ano seguido, o número de jogos de um palmeirense na Série A - Daniel Vorley/AGIF
Tchê Tchê lidera, pelo 2º ano seguido, o número de jogos de um palmeirense na Série A Imagem: Daniel Vorley/AGIF

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

25/11/2017 12h00

Assim como o Palmeiras em todo o ano, Tchê Tchê viveu altos e baixos. Neste fim de temporada, porém, o meio-campista termina com uma marca importante. No segundo ano em que defende o clube alviverde, o camisa 8 deve terminar como o atleta com mais jogos do elenco no Campeonato Brasileiro. Para isso, basta entrar em campo contra Botafogo (segunda-feira) e Atlético-PR (3 de dezembro).

Tchê Tchê vai assumir a liderança do elenco já no início da próxima semana. Titular durante toda a semana de trabalho sob o comando do técnico-interino Alberto Valentim, o jogador que chegou no ano passado do Audax-SP será escalado para o 33º jogo na Série A - 31 deles como titular. Fernando Prass, com 32 partidas e suspenso do duelo com os cariocas, é quem mais se aproxima do camisa 8.

Durante toda a temporada, o camisa 8 representou o Palmeiras em 53 confrontos, e é o jogador de linha que mais atuou. Fernando Prass aparece em primeiro com 59 jogos, enquanto Keno, com 52, vem logo atrás.

A constante presença de Tchê Tchê em campo já é algo comum no Palmeiras. O meio-campista chegou ao clube depois de se destacar com a camisa do clube de Osasco no Campeonato Paulista de 2016 e rapidamente assumiu a condição de titular com Cuca, responsável por pedir a sua contratação antes do início do Brasileiro.

Tchê Tchê Palmeiras - Kin Saito/CBF - Kin Saito/CBF
Tchê Tchê terminou o ano passado premiado pela CBF após se destacar
Imagem: Kin Saito/CBF

Na Série A do ano passado, Tchê Tchê participou de 37 das 38 partidas da equipe na competição, todas como titular, e acabou premiado pela CBF como um dos melhores meio-campistas. Ele ficou fora apenas da derrota por 3 a 1 para o Botafogo, no Rio de Janeiro, em jogo pela 17ª rodada. O camisa 8, inclusive, atuou no jogo final contra o Vitória, em que Cuca usou reservas.
Além da regularidade, Tchê Tchê se destaca também na construção ofensiva do Palmeiras. De acordo com números do departamento de análise de desempenho do clube, o meio-campista lidera o ranking da equipe em participações indiretas nos gols - passes anteriores à assistência: são sete no Brasileirão, mesmo número de Dudu.
No ano inteiro, Tchê Tchê é o segundo neste quesito: são nove contra 12 de Dudu, que lidera isoladamente ao somar Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil, Libertadores e Campeonato Paulista, competições disputadas pelo Palmeiras na temporada.

Esporte