PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Cuca promove sessões de "bate-papo" em reapresentação do Palmeiras

Cuca também conversou com o elenco antes de iniciar a atividade desta quarta - Agência Palmeiras
Cuca também conversou com o elenco antes de iniciar a atividade desta quarta Imagem: Agência Palmeiras

Do UOL, em São Paulo (SP)

30/08/2017 17h56

Mais que o trabalho técnico com bola, o Palmeiras se reapresentou "na base da conversa", como popularmente é dito no futebol. Na atividade desta quarta-feira, a primeira depois da vitória por 4 a 2 sobre o São Paulo e ocorrida na Academia de Futebol, o técnico Cuca usou grande parte do trabalho para promover sessões de "bate-papo" com atletas do elenco.

Além da conversa coletiva com o grupo, Thiago Santos, Zé Roberto, Tchê Tchê, e Fernando Prass receberam uma atenção especial do treinador. Os dois primeiros aparecem como opção ao time titular, enquanto os últimos são peças constantes nos 11 que iniciam as partidas palmeirenses.

A poucos meses da aposentadoria, Zé Roberto perdeu espaço nas últimas semanas. Michel Bastos, contratado para exercer prioritariamente a função de meia, assumiu a vaga na lateral esquerda contra Vasco, Chapecoense e São Paulo, em partidas pelo Campeonato Brasileiro.

Já Thiago Santos é opção direta para o meio-campo palmeirense. Especialmente em partidas fora de casa, desde o ano passado, Cuca opta pelo volante de perfil mais defensivo para resguardar a primeira linha de jogadores.

Fernando Prass, agora novamente promovido ao posto de titular após a lesão de Jailson, viu Cuca gesticular bastante durante o "bate-papo". O ídolo da torcida alviverde, que tem contrato até o fim do ano, ainda não definiu se seguirá na Academia do Futebol em 2018.

Por outro lado, Tchê Tchê, depois da conversa com Cuca, foi vítima de um trote dos companheiros por fazer aniversário nesta quarta-feira (25 anos). Depois do encerramento da atividade, os jogadores aplicaram a tradicional "ovada" no gramado. Cuca e a comissão técnica, de longe, se divertiram.

O treinador terá raros dez dias para trabalhar antes do próximo compromisso do Palmeiras no Campeonato Brasileiro - dia 9 contra o Atlético-MG, no Independência. Nesta quinta-feira, por exemplo, o elenco realizará atividades em dois períodos.

Esporte