PUBLICIDADE
Topo

Gabriel Vaquer

NOTÍCIA

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Vivo fecha acordo por PPV do Carioca e começa a vender pacotes nesta semana

Meia Diego festeja a conquista do Carioca 2020 pelo Flamengo - Marcelo Cortes/Flamengo
Meia Diego festeja a conquista do Carioca 2020 pelo Flamengo Imagem: Marcelo Cortes/Flamengo
Gabriel Vaquer

Gabriel Vaquer cobre mídia esportiva desde 2014. No UOL Esporte, conta detalhes do evento onde seu time joga e onde seu profissional de TV esportiva favorito vai trabalhar.

22/02/2021 19h20

A Vivo fechou nesta segunda-feira (22) um acordo para vender o pay-per-view do Campeonato Carioca 2021. A empresa negociava desde o início do mês, mas só chegou em um acordo hoje (22). Com isso, a empresa se junta a Claro, Net e Sky, que já tinham garantido o Estadual do Rio. O novo contrato fará o pacote cobrir 11,9 milhões de assinantes na TV por assinatura no Brasil, mais de 80% da base de assinantes.

A coluna apurou que o valor será o mesmo acordado com as outras operadoras: R$ 49,90 mensais por três meses. A diferença é que a empresa não disponibilizará pagamento único pelo pacote completo, nem venderá jogos avulsos.

O pacote estará disponível no Vivo Play, plataforma de TV por assinatura e vídeo da empresa, a partir da próxima quinta-feira, dia 25 de fevereiro. A comercialização também será realizada por lojas, revendas e canais de atendimento da Vivo. O conteúdo do Campeonato Carioca 2021 estará disponível para acesso também pelo app do Vivo Play. O download é gratuito para Android e IOS nas lojas de aplicativos.

O pay-per-view do Campeonato Carioca é responsabilidade de Marcelo Campos Pinto, ex-executivo da Globo. O projeto também terá um canal no YouTube e uma página no Facebook para repercutir os conteúdos produzidos —entre eles, um programa de pré e pós jogo para todas as partidas exibidas, que está sendo desenvolvido pela jornalista Lívia Nepomuceno, que trabalhou na Fox por seis anos.

Os narradores serão Roby Porto (ex-ESPN e ex-SporTV), Dudu Monsanto (ex-ESPN) e Leandro Mamute (ex-Esporte Interativo). O valor do serviço tem sido criticado por torcedores. A mensalidade é mais cara, por exemplo, que serviços similares que transmitem a Copa do Nordeste, a Libertadores da América e a Copa Sul-Americana. Em TV aberta, a Record fará a transmissão do certame.