PUBLICIDADE
Topo

Plural é um projeto colaborativo do UOL com coletivos independentes, de periferias e favelas para a produção de conteúdo original


Papo Preto #54: Os desafios das mulheres no Breaking

De Ecoa, em São Paulo

06/11/2021 06h00

It'sa Gonçalves é bicampeã nacional de breaking. A artista não-binária encontra dificuldades para viver da sua arte porque a sociedade não reconhece o break dance como profissão, as mulheres têm pouco espaço e os não-binários, nenhum.

Neste episódio de Papo Preto, It'sa fala ao apresentador Yago Rodrigues dos desafios de viver da dança e de ser valorizada pela sua profissão. "Não adianta só eu ver como profissão e o meu colega que exerce a mesma função ver como hobby, o outro como um estilo de vida", diz. "Quando comecei a trabalhar com dança era muito explorada, mesmo depois de me profissionalizar" (a partir de 6:30 do arquivo acima).

A artista diz que as mulheres ainda são muito ausentes na cena do breaking. "Na minha jornada eu tive 99% de referências masculinas, e não falo isso com gosto, falo porque nos meus treinos só tinha eu de corpo feminino, nunca vi uma pessoa trans treinar. É muito difícil para uma menina se sentir confortável para dançar" (a partir de 13:21 do arquivo acima).

"O machismo é uma assombração que vem atrás da gente", diz It'sa. "Temos que pensar na roupa que usamos para treinar, no horário que vamos voltar do treino pelas ruas, eu estou no corpo de uma mulher, estou em um corpo feminino e sou vulnerável aos olhos de muitas pessoas. São muitas coisas que nos assombram (a partir de 16:12 do arquivo acima).

Papo Preto é um podcast produzido pelo Alma Preta, uma agência de jornalismo com temáticas sociais, em parceria com o UOL Plural, um projeto colaborativo entre o UOL, coletivos e veículos independentes. Novos episódios vão ao ar todas as quartas-feiras.

Podcasts são programas de áudio que podem ser ouvidos a qualquer hora e lugar — no computador, smartphone ou em outro aparelho com conexão à internet. Você pode ouvir Papo Preto no canal do UOL no YouTube e nas plataformas de podcast Spotify, Google Podcast, Deezer, Apple Podcast e CastBox.