PUBLICIDADE
Topo

Menor viatura do Brasil é mais curta que Fiat Mobi e não protege ninguém

Gurgel Patrol, a menor viatura do Brasil, hoje integra coleção e tem apenas 2 exemplares. ambos projetados para patrulhamento - Garage Brazil
Gurgel Patrol, a menor viatura do Brasil, hoje integra coleção e tem apenas 2 exemplares. ambos projetados para patrulhamento Imagem: Garage Brazil

Alessandro Reis

Do UOL, em São Paulo (SP)

07/10/2021 04h00Atualizada em 07/10/2021 16h29

O automóvel que provavelmente é a menor viatura de vigilância existente e funcional do Brasil teve apenas dois exemplares fabricados, mede diminutos 2,70 m de comprimento e traz motor de 0,8 litro com dois cilindros a gasolina e modestos 34 cv de potência.

A título de comparação, o Fiat Mobi, que atualmente é o menor carro de passeio zero-quilômetro à venda no País, tem 3,57 m de extensão e rende até 75 cv.

Estamos falando do Gurgel Patrol, veículo 100% nacional de dois lugares produzido há 30 anos e que há muito tempo não combate o crime. As duas unidades, ambas protótipos, hoje integram a coleção particular Garage Brazil, que reúne cerca de 150 carros nacionais com carroceria de fibra de vidro em Araçariguama (SP) - incluindo a "Ferrari Brasileira", da qual já falamos em reportagem publicada há cerca de três meses.

Carro azul traz carroceria mais longa e foi usado pela segurança do condomínio onde morava João do Amaral Gurgel - Garage Brazil - Garage Brazil
Carro azul traz carroceria mais longa e foi usado pela segurança do condomínio onde morava João do Amaral Gurgel
Imagem: Garage Brazil

UOL Carros conversou com um dos responsáveis pela coleção, empresário de 39 anos cuja identidade prefere não revelar nesta reportagem.

O "guardião" das míni viaturas conta que ambas são modelo 1991 e fabricadas com base no modelo "civil" Gurgel Motomachine, apresentado no Salão do Automóvel de 1990.

"Estava 'namorando' os dois carros há muito tempo e comprei cada um de colecionador diferente, após muita negociação, aqui mesmo em São Paulo. O azul eu adquiri há pouco mais de um ano e foi usado para fazer a segurança do condomínio onde João Conrado do Amaral Gurgel [fundador e proprietário da Gurgel] morava, em Rio Claro [SP]", conta o empresário.

Feito por encomenda da PM de Minas Gerais

Em foto da época, exemplar cinza foi construído a pedido da Polícia Militar mineira, que o testou por 6 meses - Reprodução - Reprodução
Em foto da época, exemplar cinza foi construído a pedido da Polícia Militar mineira, que o testou por 6 meses
Imagem: Reprodução

Já o exemplar cinza, destaca, acabou de ser adquirido, é ainda mais raro e foi produzido sob encomenda para a Polícia Militar de Minas Gerais, que buscava um veículo pequeno, acessível e com baixo consumo para policiamento preventivo três décadas atrás.

"O protótipo foi testado durante cerca de seis meses pela PM-MG, que iria comprar mais unidades, mas por algum motivo desistiu do negócio", complementa o colecionador, sem comentar o quanto ele pagou por cada exemplar.

Reportagem da época mostra entrega do protótipo do Gurgel Patrol à Polícia Militar de Minas Gerais - Reprodução - Reprodução
Reportagem da época mostra entrega do protótipo do Gurgel Patrol à Polícia Militar de Minas Gerais
Imagem: Reprodução

Para saber mais detalhes sobre o Gurgel Patrol, conversamos também com Leandro Basso, especializado na história da marca automotiva 100% brasileira - que faliu no início de 1996.

Segundo Basso, especialmente a unidade cinza pode ser considerada uma das mais raras e valorizadas da Gurgel - o carro da fabricante mais caro de que ele tem conhecimento é o protótipo Delta, vendido há cerca de dois anos "na faixa de R$ 80 mil".

Interior do protótipo usado pela PM-MG; corporação inicialmente iria encomendar mais unidades, mas desistiu - Garage Brazil - Garage Brazil
Interior do protótipo usado pela PM-MG; corporação inicialmente iria encomendar mais unidades, mas desistiu
Imagem: Garage Brazil

O especialista esclarece que o Patrol nasceu, de fato, a pedido da Polícia Militar de Minas Gerais e foi apresentado alguns meses antes do lançamento do Motomachine, a versão para civis fabricada entre o fim de 1990 e o início de 1992 e que teve 154 carros produzidos, incluindo os respectivos protótipos.

Leandro Basso explica que o conceito do Patrol e do Matomachine era trazer uma opção simplificada e mais curta ao BR-800, utilizando a mesma mecânica, com tração traseira e câmbio de quatro marchas, e capaz de consumo de 26 km/l na configuração de vigilância - dizia a Gurgel na época.

No lugar do banco traseiro, viatura criada para PM traz acessórios como lanterna, cassetete e extintor - Garage Brazil - Garage Brazil
No lugar do banco traseiro, viatura criada para PM traz acessórios como lanterna, cassetete e extintor
Imagem: Garage Brazil

Enquanto o BR-800 mede 3,19 m, o comprimento do Patrol cai para 2,70 m e, no Motomachine, chega a 2,85 m.

"Das duas viaturas, a original, construída para a Polícia Militar, é a mais compacta e traz giroflex, sirene, farol auxiliar e nichos para rádio de acordo com as especificações da PM mineira naquele período. Já o carro azul tem o mesmo comprimento do Motomachine e, ainda que traga acessórios parecidos, eles não são idênticos aos que a corporação utilizava na época", diz Basso.

Versão 'civil', Motomachine foi apresentado alguns meses depois, no Salão do Automóvel de 1990 - Reprodução - Reprodução
Versão 'civil', Motomachine foi apresentado alguns meses depois, no Salão do Automóvel de 1990
Imagem: Reprodução

Ele acrescenta que a configuração civil traz características exclusivas, como dois pequenos assentos traseiros e teto rígido removível, que pode ser trocado por uma cobertura de lona que acompanha o veículo. Para completar, o para-brisa do Motomachine é basculante.

"A ideia desses carros produzidos em série era buscar clientes mais jovens e transmitir a sensação de guiar uma moto com quatro rodas. Daí veio o nome dado pela Gurgel".

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.