PUBLICIDADE
Topo

Star Wars? Como exército dos EUA gastou milhões em caminhão com 6 pernas

Veículo ASV do exército americano - Divulgação
Veículo ASV do exército americano Imagem: Divulgação

Do UOL

Em São Paulo (SP)

09/09/2020 10h05

Na década de 1980 o exército dos Estados Unidos desenvolveu um veículo tendo em vista que cerca de metade da terra do planeta era intransitável para veículos com rodas e esteiras. Assim, em parceria com a Universidade Estadual de Ohio, surgiu o ASV - movido por seis pernas e do tamanho de um caminhão.

Mesmo complexo e lento, ele conseguiu funcionar utilizando como meio de locomoção suas pernas artificiais. O começo do projeto foi em 1981 e ele durou nove anos. Nada menos que 17 computadores eram incorporados à operação do veículo. Seis deles, eram CPUs que ficavam acima das pernas.

O veículo era mais "supervisionado" do que realmente guiado, com o operador o controlando com um teclado e um joystick para a direção desejada. Mesmo recebendo US$ 1 milhão por ano, a equipe da universidade era claramente limitada pelo poder de processamento na época.

Para fazer o veículo andar, um motor de moto de 900cc e 91 cv era utilizado. Este motor levava a potência para três eixos de transmissão que a transferia para 18 bombas hidráulicas - três por perna - por meio de correias dentadas.

O ASV podia andar a 13 km/h, mas sua velocidade de cruzeiro era 6 km/h. Ele podia carregar apenas 219 kg, o que não era muito bom pesando que ele tinha ao todo 2.700 kg. Em dimensões, o ASV possuia 5,1 metros de comprimento, 2,4 metros de largura e pouco menos de 3,0 metros de altura. Com a pouco efetividade, o projeto foi encerrado em 1990.