PUBLICIDADE
Topo

Ferrari tida como o carro mais caro do mundo é centro de batalha judicial

Ferrari 250 GTO 1962 é tida como um dos automóveis mais caros do mundo; esportivo foi vendido sem o câmbio original - Reprodução
Ferrari 250 GTO 1962 é tida como um dos automóveis mais caros do mundo; esportivo foi vendido sem o câmbio original Imagem: Reprodução

Do UOL

Em São Paulo (SP)

10/12/2019 15h21

Uma Ferrari 250 GTO de 1962, adquirida por 37 milhões de libras (aproximadamente R$ 202 milhões na conversão direta) por um britânico virou motivo de disputa judicial. O piloto e vendedor de carros Gregor Fisken comprou a Ferrari, porém o carro, tido como o mais caro do mundo, veio sem a caixa de câmbio original.

Agora, Fisken pede nos tribunais que Bernard Carl, o vendedor da Ferrari em questão, entregue a transmissão. No entanto, Carl não se vê obrigado a fazer isso, de acordo com seu advogado, William Hopper. O comprador afirma que tinha ciência de que o carro não possuía o câmbio original, mas que o vendedor tentaria consegui-lo.

"As disputas estão relacionadas à caixa de câmbio original da GTO, que não foi entregue à empresa GFL [Gregor Fisken Ltd]", explica o advogado de Carl.

"A GFL pede uma ordem judicial para que o Sr. Carl entregue a caixa de câmbio. Carl se recusa a entregá-la e afirma que não tem obrigação de fazê-lo."

As partes haviam encontrado um revendedor nos EUA que possuía o câmbio, entretanto ele pedia US$ 25 mil em dinheiro para passá-lo adiante, segundo o advogado. O negócio acabou não acontecendo quando o vendedor disse que quem deveria pagar o frete e a taxa de liberação seria o comprador, Fisken.

Apenas 39 unidades do modelo 250 GTO foram feitas pela Ferrari, entre 1962 e 1964. O chassi centro da polêmica é o 3387GT, com o qual o norte-americano Phil Hill e o belga Olivier Gendebien venceram as tradicionais 12 Horas de Sebring, nos EUA.

Seu motor é um V12 de 3.0 litros que gera 306 cv de potência e faz o carro sair da imobilidade e atingir 100 km/h em 5,4 segundos. A velocidade máxima informada pela fabricante é 280 km/h.

Quer ler mais sobre o mundo automotivo e conversar com a gente a respeito? Participe do nosso grupo no Facebook! Um lugar para discussão, informação e troca de experiências entre os amantes de carros. Você também pode acompanhar a nossa cobertura no Instagram de UOL Carros.