PUBLICIDADE
Topo

Bronco Sport: SUV marca começo da 'nova Ford' por mais de R$ 250 mil; vale?

José Antonio Leme

do UOL, em São Paulo (SP)

20/05/2021 10h00

Primeiro produto inédito da "nova" Ford, que deixou de fabricar veículos no Brasil, o Bronco Sport tem antes de tudo uma tarefa bastante indigesta: invadir a festa das marcas premium e mostrar que pode dividir espaço com os presentes.

Em versão única Wildtrak e importado do México por salgados R$ 256.900, o novo SUV médio foi posicionado acima do Territory, que também é médio e vem importado da China. Juntos, têm a missão de ser SUVs complementares da Ford, em um mercado bastante congestionado.

O Bronco Sport é o irmão menor do Bronco, ou o "Broncão", digamos, que disputa mercado como um off-road raiz contra o Jeep Wrangler. Do "Broncão", o Sport traz inspiração visual e aptidão para o uso fora de estrada, ainda que limitada.

Agora, a questão é: o Bronco Sport tem predicados suficientes para brigar com os modelos que custam o mesmo que ele e são de marcas premium? Vale mais do que o novo Compass, e tem cacife para ajudar a sustentar os lucros da Ford, agora uma marca 100% de carros importados em nosso País?

Marcos Camargo/UOL

Ford Bronco Sport Wildtrak

Preço

R$ 256.900
Carros
3,1 /5
ENTENDA AS NOTAS DA REDAÇÃO

Pontos Positivos

  • Praticidade do porta-malas
  • Suspensão
  • Desempenho

Pontos Negativos

  • Preço
  • Acabamento
  • Banco traseiro

Veredito

O Bronco Sport pode conquistar um público próprio com suas propriedades únicas, como o bom desempenho e a capacidade fora de estrada. Porém, não há nele o que é necessário para fazer alguém trocar um carro de marca premium por um Ford e não há apelo mercadológico que mude isso. E nada isso torna o produto ruim. Pelo contrário, é muito bom, mas quer lutar uma briga que não dá para ganhar.

Design e espaço interno

O termo bronco é usado com frequência para se referir a alguém cujo aspecto e comportamento é mais rústico, bruto, as vezes até mal-educado, no Brasil. Bem, em termos de visual, o Bronco Sport justifica um pouco essas características.

Ele tem linhas quadradas, que passam a impressão de robustez. O teto com corte em dois níveis lembra ainda o Land Rover Freelander, antigo SUV médio da marca britânica - que, por sinal, já pertenceu à Ford.

Destaque para o símbolo da Ford não estar em destaque em todo o carro e aparecer unicamente na tampa do porta-malas, em posição não centralizada. Tanto na grade quanto na tampa traseira o nome do modelo é que está em evidência.

Por dentro, o acabamento é bom. Todo o assoalho e o porta-malas têm acabamento emborrachado o que facilita a limpeza em caso de incursão no fora de estrada. Os bancos de couro são confortáveis para quem vai na frente. Atrás, os dois que vão nas pontas têm conforto.

Quem senta no meio sofre, não só com a falta de espaço para os pés, devido ao console central, mas também com o fato de que falta acolchoado no encosto. Como a seção central é também um porta-copos, quando está fechada fica dura, e viajar ali vai dar uma bela dor nas costas.

Os comandos são fáceis e a ergonomia geral é invejável. A quantidade de porta-objetos para um carro que é familiar também agrada. O fato de o porta-malas oferecer um divisor que pode ser utilizado de diversas maneiras, inclusive como mesa, quando a tampa está aberta, é bastante criativo.

Ford Bronco Sport - Marcos Camargo/UOL - Marcos Camargo/UOL
Imagem: Marcos Camargo/UOL

Consumo e desempenho

É no desempenho que talvez esteja a joia da coroa do Bronco Sport. Sob o capô, ele traz um 2.0 turbo a gasolina que rende 240 cv a 5.500 rpm e 38 kgfm a 3.000 rpm. Esse motor essencialmente é o mesmo utilizado pelo Fusion Titanium no Brasil, mas com algumas melhorias, o que elevou a rotação da entrega de torque.

O câmbio é o automático de oito marchas e o sistema de tração é o 4x4 sob demanda, que vai alterando durante o uso o quanto é entregue em cada eixo, com opção de bloqueio de diferencial. Há opção de troca de marchas por aletas atrás do volante um modo manual, no qual o câmbio não realiza as trocas sozinho.

Com 1.718 kg, o conjunto mecânico consegue empurrar com facilidade o Bronco Sport. As acelerações são vigorosas e as trocas de marcha são imperceptíveis. Em ultrapassagens, o desempenho chega a ser esportivo para um carro com as dimensões do Bronco.

Na pista de testes da Ford, em Tatuí (SP) foi possível chegar a 180 km/h e tinha apetite para mais. A aceleração de zero a 100 km/h divulgada pela marca é de 8 segundos.

O motor teve que passar por adequações para poder lidar com a nossa gasolina, que tem uma porcentagem de etanol incluída no combustível que chega a bomba. O consumo divulgado é de 8,3 km/l na cidade e 10,1 km/l em circuito rodoviário.

Há também uma diferença na potência entregue do Bronco Sport nos EUA e aqui com o mesmo motor 2.0 turbo. Lá ele rende 250 cv, são 10 cv a menos entregues por aqui.

Ele conta ainda com os modos de condução, o G.O.A.T. (Goes Over Any Type of Terrain). Em tradução literal, vai a qualquer tipo de terreno. São sete: Normal, Eco, Esportivo, Escorregadio, Areia, Rocha e Lama/Terra. Além de alterar a resposta de motor, acelerador e câmbio, mudam também a tração e o 4x4, se necessário.

Entre o modo Eco, Normal e Esportivos, que com certeza serão os mais utilizados, é perceptível como o carro muda de comportamento e fica com respostas ainda mais brutas em termos de aceleração.

As suspensões com arquitetura independente na dianteira e na traseira com braços de alumínio privilegiam o conforto. No asfalto ruim e no fora de estrada, elas trabalham muito bem e entregam o melhor em termos de conforto. Nas curvas, a carroceria fica estável enquanto as suspensões trabalham.

Essa configuração bem "americana" é ótima para o conforto, mas pouco faz jus ao Sport do nome. Em estradas sinuosas ou em uma tocada mais esportiva, falta por parte do conjunto de suspensão uma resposta mais ágil do contato dos pneus com o piso. O feedback fica prejudicado.

Ford Bronco Sport - Marcos Camargo/UOL - Marcos Camargo/UOL
Imagem: Marcos Camargo/UOL

Equipamentos

O pacote de equipamentos do Bronco Sport é bem completo. Ele traz faróis e lanternas Full-LED, ar-condicionado com duas zonas, volante com ajuste de altura e profundidade, banco do motorista com ajuste elétrico, trio elétrico e chave presencial com partida por botão.

Há, ainda, teto solar, que não é panorâmico; farol alto automático; controle de velocidade para fora de estrada; sensor de pressão nos pneus; e assistente de partida em rampa.

Ele também traz câmeras de ré e dianteira com 180º de ângulo, carregador de smartphone por indução no console central, leitor de placa de trânsito, sensores de chuva, luminosidade e de obstáculos na traseira.

O conjunto fica completa com a central multimídia com tela de 8 polegadas, navegador GPS e integração a Android Auto e Apple CarPlay, mas só via cabo usb por enquanto, quatro entradas USB (2 tipo A e 2 tipo C) e sistema de som Bang&Olufsen com dez alto-falantes e subwoofer.

Ford Bronco Sport - Marcos Camargo/UOL - Marcos Camargo/UOL
Imagem: Marcos Camargo/UOL

Segurança

Os itens de segurança do Bronco Sport também são muitos. Há nove airbags, alerta de ponto cego, assistente de manutenção na faixa com correção de volante, controles de tração e estabilidade e fixação de cadeirinha com sistema Isofix. Há também freio a disco nas quatro rodas.

O Bronco Sport conta com controle de velocidade adaptativo com função tráfego - que para totalmente e retoma a aceleração sozinho em pequenas paradas - frenagem autônoma de emergência com detecção de pedestres e assistente de manobras evasivas. Ele aumenta a carga na assistência da direção para ajudar a realizar o movimento mais rapidamente.

Ford Bronco Sport - Marcos Camargo/UOL - Marcos Camargo/UOL
Imagem: Marcos Camargo/UOL

Mercado

A tabela do Bronco Sport coloca ele em uma sinuca de bico, como diz a gíria. Ele custa o mesmo que SUVs de marcas premium, oferecendo até mais que alguns modelos. Segundo a Ford, seu principal rival é o Land Rover Discovery Sport.

Ele também se encaixa na disputa com outros SUVs médios ou compactos, como Audi Q3, BMW X1, Mercedes-Benz GLB. Contudo, por mais que preço, dimensões e equipamentos sejam semelhantes, e em alguns casos melhores que os modelos premium, o representante da oval azul não oferece a mesma ideia para o consumidor.

Por mais que a empresa não queira contar, ele também é um competidor do Jeep Compass de topo. As receitas são diferentes: um usa motor diesel, outro, gasolina, mas a lista de equipamentos é bem semelhante e o Jeep custa quase R$ 20 mil a menos.

Tanto é que que o Bronco Sport usou do mesmo exercício lúdico de espalhar easter eggs (figuras ou desenhos escondidos) pela cabine e carroceria que a Jeep já havia adotado com o Compass e outros modelos da marca.

O Bronco Sport chega com um fardo enorme para carregar: ser o responsável por dar uma nova cara a Ford como importadora no Brasil e, mesmo sem pedigree, tentar competir com modelos que tem essa chancela de serem de "raça".

Ford Bronco Sport - Marcos Camargo/UOL - Marcos Camargo/UOL
Imagem: Marcos Camargo/UOL

Mecânica
  • Motorização

  • 2.0, 4 cilindros, 16V, turbo

  • Combustível

  • Gasolina

  • Potência (cv)

  • 240 a 5.500 rpm

  • Torque (kgf.m)

  • 38 a 3.000 rpm

  • Aceleração de 0 a 100 (segundos) (km/h)

  • 8 segundos

  • Consumo cidade (km/l)

  • 8,3

  • Consumo estrada (km/l)

  • 10,1

  • Câmbio

  • Automático, 8 marchas

  • Tração

  • 4x4 sob demanda

  • Direção

  • Elétrica

  • Suspensão Dianteira

  • Independente, McPherson

  • Suspensão Traseira

  • Independente com barra estabilizadora

  • Freios Dianteiros

  • Discos ventilados

  • Freios Traseiros

  • Discos sólidos

Pneus e Rodas
  • Pneus

  • 225/65 R17

  • Rodas

  • 17?/7?

Dimensões
  • Altura (mm)

  • 1.797

  • Comprimento (mm)

  • 4.386

  • Entre-eixos (mm)

  • 2.670

  • Largura (mm)

  • 2.099

  • Ocupantes

  • 5

  • Peso (kg)

  • 1.718

  • Porta-malas (L)

  • 580

  • Tanque (L)

  • 64

Equipamentos
  • Airbags Motorista

  • Airbags Passageiro

  • Airbags Laterais

  • Airbags do tipo Cortina

  • Airbags para joelho do motorista

  • Controle de Estabilidade

  • Controle de Tração

  • Freios ABS

  • Distribuição Eletrônica de Frenagem

  • Ar-Condicionado

  • Travas Elétricas

  • Ar Quente

  • Piloto Automático

  • Volante com Regulagem de Altura

  • Vidros Elétricos Dianteiros

  • Vidros Elétricos Traseiros

  • Central Multimídia

  • Rádio FM/AM

  • Entrada USB

  • Banco de Couro

  • Banco do motorista com ajuste de altura

  • Bancos com ajustes elétricos

  • Desembaçador Traseiro

  • Teto Solar

  • Computador de Bordo

  • Acendimento automático dos faróis

  • Faróis de neblina

  • Frenagem autônoma de emergência

  • Alerta de permanência em faixa

  • Sensor de pressão dos pneus

  • Sensor de pontos cegos

  • Alerta de colisão

  • Abertura elétrica do porta-malas

  • Faróis com regulagem de altura

  • Bloqueio do diferencial