PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Antidiabético pode reduzir morte de mulheres por covid-19, aponta estudo

Coronavírus - Foto: 4X-image/ iStock
Coronavírus Imagem: Foto: 4X-image/ iStock

Do UOL, em São Paulo

23/06/2020 09h02

Um estudo produzido pela Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos, concluiu que o uso de um antidiabético pode reduzir as mortes em mulheres com a covid-19 e em estado grave.

Dados preliminares da pesquisa apontaram que diabetes e obesidade são agravantes para pacientes com a doença, no entanto, aquelas que já faziam uso do metformina se recuperarem melhor do novo coronavírus. A metformina reduziu de 21% a 24% o risco de morte por covid-19 em mulheres.

O estudo avaliou 6.000 pacientes com obesidade e diabetes. Entre eles, 2.000 estavam tomando a metformina, um antidiabético oral e um dos medicamentos mais usados no tratamento do diabetes tipo 2. Publicado no final de semana, o documento ainda será revisado por pares antes de ser publicado. Testes clínicos formais ainda serão necessários, segundo a equipe.

Christopher Tignanelli, médico e principal autor do estudo, disse que o resultado foi "surpreendente". Segundo ele, quatro estudos menores já haviam apontado evidências de que o medicamento poderia ajudar na recuperação de pacientes.

"Se pudermos entender a diferença do vírus entre homens e mulheres e o que realmente impulsionou esse resultado, isso nos apresenta uma linha de tratamento que podemos realmente seguir", afirmou.

Uma análise dos primeiros 2.428 pacientes hospitalizados com covid-19 em Minnesota apontou que 40% deles tinham diabetes e outras doenças metabólicas. Hipertensão e obesidade também foram doenças encontradas em boa parte dos pacientes que foram internados para tratar infecção respiratória causada pelo novo coronavírus.

Saúde