Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Will Smith descobre pólipo pré-canceroso; exame é indicado a partir dos 45

Colonoscopia, exame feito pelo ator, revela a presença dos pólipos no intestino - Reprodução/YouTube
Colonoscopia, exame feito pelo ator, revela a presença dos pólipos no intestino Imagem: Reprodução/YouTube

Gabriela Ingrid

Do VivaBem, em São Paulo

07/11/2019 17h36

Will Smith, 51, realizou sua primeira colonoscopia e descobriu um pólipo pré-canceroso em seu intestino. O ator contou como foi o procedimento em um vlog, publicado em seu canal no Youtube na quarta-feira (6).

A colonoscopia é um exame em que um microtubo com uma câmera na ponta é introduzido no ânus do indivíduo e segue até o intestino. Lá, esse equipamento detecta qualquer alteração e, dependendo do caso, já retira pólipos suspeitos para os médicos fazerem a biópsia.

"A primeira colonoscopia é o exame preventivo do câncer colorretal. A recomendação é que todo mundo faça a partir dos 45 anos", diz Eliza Ricardo, oncologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz. Segundo ela, o objetivo do exame é justamente detectar uma lesão antes que ela se torne maligna.

Ricardo diz que o ator provavelmente fez o exame pela primeira vez por causa da sua idade. Antes, a recomendação era que todos fizessem a colonoscopia após os 50 anos, mas com o aumento de casos de câncer no intestino em indivíduos cada vez mais jovens fez com que a idade mínima fosse alterada para 45 anos.

Os pólipos são alterações na mucosa do intestino. Embora nem todos sejam malignos, é preciso retirá-los para evitar que se tornem um câncer - iStock
Os pólipos são alterações na mucosa do intestino. Embora nem todos sejam malignos, é preciso retirá-los para evitar que se tornem um câncer
Imagem: iStock

"E isso para quem não sente nada, não tem sintomas. Quem tem sangramento, cólicas e emagrecimento anormal, independentemente da idade, deve ir ao médico para fazer uma investigação", diz Rodrigo Oliva, cirurgião do aparelho digestivo da BP - A Beneficência Portuguesa de São Paulo.

O que é o pólipo pré-canceroso?

O revestimento da mucosa intestinal (a parede interna do intestino) é composto por uma camada de células que precisam ser renovadas constantemente, como a pele. O próprio organismo faz a reposição dessa pele, inclusive a mucosa do intestino.

Entretanto, por alguma razão que a medicina ainda não sabe explicar, uma única célula dessa mucosa sofre uma mutação genética e começa a se reproduzir mais rapidamente do que ela deveria. "Uma única célula, em vez de formar uma pele de nova, forma uma espécie de verruga, um aglomerado de células que passou a se reproduzir de maneira desordenada", diz Oliva.

Essa verruga é pólipo, que sempre nasce benigno. O problema começa quando essa verruga consegue invadir a camada profunda da mucosa, tornando-se maligno. Segundo Oliva, todos os pólipos benignos são chamados de pré-cancerosos. "Afinal, eles não são um câncer ainda, mas podem se tornar." Todo câncer em geral nasceu de um pólipo. Mas nem todo pólipo vira um câncer.

Na colonoscopia, o especialista retira todos os pólipos que encontrar e leva para análise. "No caso de Smith, por exemplo, como não foram encontrados pólipos malignos, ele provavelmente voltará a fazer o exame daqui uns três anos, para checar se novos pólipos cresceram", diz Ricardo. As chances de alguém que já teve pólipo uma vez ter de novo são muito grandes.

No vlog, o médico de Smith comenta que, se o pólipo não fosse retirado, ele poderia continuar crescendo. O ator revelou estar surpreso: "Quando resolvi fazer o vlog, só pensei: 'Isso vai ser engraçado'. Não fazia ideia que encontrariam um pólipo".

Smith ainda recomenda que as pessoas sigam seu exemplo: "Já é 2019, precisamos estar com a saúde em dia. Há muita vergonha em se cuidar para ser saudável. Caras, vocês só precisam se cuidar."

Podcasts do UOL
Ouça o podcast Maratona, em que especialistas e corredores falam sobre corrida. Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas de áudio.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado, adenoma é um tumor benigno, e não maligno.

Saúde