PUBLICIDADE

Topo

A quantidade de sal que você come provavelmente não faz mal à sua saúde

Cientistas dizem que consumir até 5 g de sódio e seguro para a saúde - iStock
Cientistas dizem que consumir até 5 g de sódio e seguro para a saúde Imagem: iStock

Do VivaBem

11/08/2018 12h39

Corte o sal! Essa se tornou uma regra básica de alimentação para ter uma vida mais saudável. Mas existe uma chance enorme de você já estar consumindo uma porção segura de sódio.  

Em uma grande pesquisa publicada esta semana no periódico The Lancet, cientistas da Universidade McMaster (Canadá) afirmam que a quantidade de sal ingerida pela grande maioria das pessoas não aumenta o risco de doenças do coração e AVC (acidente vascular cerebral). 

Veja também:

O estudo, que analisou dados de 94 mil indivíduos de diferentes lugares do mundo --incluindo o Brasil -- durante oito anos, aponta que só há uma elevação no número de problemas cardiovasculares quando o consumo de sódio é maior do que 5 gramas ao dia (aproximadamente 2 colheres de chá de sal). No entanto, menos de 5% das pessoas que vivem em países desenvolvidos ultrapassam essa quantidade --e a ingestão média do brasileiro, segundo o Ministério da Saúde, está próximo dessa faixa. 

"A Organização Mundial da Saúde recomenda um limite de 2 gramas de sódio ao dia, mas há pouca evidência de que uma quantidade tão baixa vá trazer melhores resultados de saúde [em comparação a menos de 5 gramas]", afirmou Andrew Mente, pós-doutorado em epidemiologia cardiovascular e principal autor do estudo.

Vale lembrar que o sódio está presente em muitos alimentos industrializados, incluindo doces e refrigerantes, e não apenas no sal. Além disso, a recomendação do estudo não vale para quem sofre de pressão alta, que deve ser orientado por um cardiologista e um nutricionista sobre a quantidade de sal que deve consumir.

Potássio é aliado do seu coração

Os pesquisadores descobriram ainda que uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, laticínios e outros alimentos ricos em potássio ajudou a reduzir consideravelmente o risco de problemas de saúde associados ao consumo de sal, inclusive entre as pessoas que ultrapassaram a ingestão de 5 g de sódio ao dia --a China foi o país com média mais alta no estudo, 5,58 g ao dia, por isso não dá para garantir que o potássio terá o mesmo efeito em uma ingestão maior que essa.

Abacate, banana, iogurte, abóbora (principalmente a semente), mamão, lentilha, cenoura, tomate, batata e sardinha são algumas fontes de potássio. 

VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook  Instagram  YouTube