PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Tosse sem parar? Problema tem várias causas; descubra a sua

Gripe, resfriado, pneumonia e até refluxo gástrico são doenças que podem ter a tosse como sintoma  - iStock
Gripe, resfriado, pneumonia e até refluxo gástrico são doenças que podem ter a tosse como sintoma Imagem: iStock

Jaqueline Falcão

Colaboração para o VivaBem

29/06/2018 04h00

Tossir é algo tão comum que muitas pessoas não se preocupam com ela, mesmo quando o "cof, cof" dura dias, semanas ou meses. No entanto, apesar de não ser uma doença, a tosse indica que alguma coisa está errada no corpo e deve sempre ser investigada. 

A lista de problemas que apresentam a tosse como sintoma é extensa e vai desde um simples resfriado até uma tuberculose, pneumonia, reação a medicamentos de uso contínuo (como os de hipertensão) e problemas cardíacos. 

Veja também

O que causa tosse?

A tosse aguda --que dura até três semanas -- geralmente está relacionada a infecções das vias aéreas superiores ou dos brônquios. Ela costuma ser provocada por problemas simples como gripes e resfriados ou alergias, mas também pode aparecer em crises de asma e bronquite.

Já a tosse que persiste de três a oito semanas (subaguda) ou a que permanece por mais de dois meses (crônica) tende a ter como causa principal a sinusite”, afirma Elie Fiss, pneumologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz e professor de pneumologia da Faculdade de Medicina do ABC. 

A segunda e a terceira doenças mais frequentes em quem tosse por mais de 60 dias são a asma e o refluxo gastroesofágico, respectivamente. Apesar de ter causas multifatoriais, o refluxo se manifesta quando a pessoa se deita ou após as refeições --cerca de uma hora após.

Apesar da falta de ar ser o principal incômodo de quem tem insuficiência cardíaca, também é comum pacientes com o problema tossirem devido ao acúmulo de líquido nos pulmões. “Já tosse acompanhada de febre geralmente é sintoma de pneumonia”, exemplifica Elie Fies. Tuberculose e coqueluche são outras doenças que têm a tosse como um de seus sinais. Por isso é tão importante checar a causa do cof, cof. 

Como acabar com a tosse?

xarope, tosse, remédio - iStock - iStock
O xarope pode mascarar os sintomas de uma doença ou até agravar a tosse. Portanto, não use o medicamento sem orientação médica
Imagem: iStock
Segundo os especialistas, tudo bem você não ir ao médico nos primeiros dias em que a tosse surgir. "Mas é muito importante investigar a causa do problema se ele persistir por mais de duas semanas”, orienta Marcus Vinícius Burato Gaz, clínico geral e cardiologista do Hospital Israelita Albert Einstein.

E nada de tomar xarope ou qualquer medicamento para acabar com a tosse sem orientação médica. "Você pode apenas mascarar o sintoma de uma doença mais séria que precisa ser investigada, como a tuberculose", diz Burato Gaz. Além disso, segundo o especialista, alguns xaropes têm opioides que podem levar à dependência e causar dor de cabeça. "A pessoa corre o risco de trocar um sintoma (a tosse) por um problema.”  

O uso de um expectorante sem indicação médica adequada pode ainda irritar ou inflamar as vias aéreas, aumentando a tosse. "Querer resolver a questão na hora não é justificativa para o paciente ficar tomando xarope por conta própria. Cada causa de tosse tem seu tratamento. Um refluxo jamais será solucionado com expectorante, assim como uma otite, que precisa de antibiótico", finaliza Fiss.

Siga o VivaBem nas redes sociais
Facebook • Instagram • Youtube

Saúde