Topo

Alimentação

Ideias e informações para você comer melhor


Alimentação

Afinal, quanta água devo tomar por dia? Sucos e chás entram na conta?

iStock
Imagem: iStock

Chloé Pinheiro

Colaboração para o VivaBem

05/06/2018 04h00

Você já deve ter ouvido muitas respostas para essa pergunta, todas na faixa de dois litros de água. Esse número não está totalmente errado, mas cada pessoa tem uma quantidade ideal de água.

“Existe uma recomendação geral de 30 ml por quilo, ou seja, uma pessoa de 70 quilos deveria tomar pouco mais de 2 litros ao dia”, aponta Milton Kalil, nefrologista do Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre. Note que a variação por quilo não é muito significativa, então dá para ter uma média.

“Tomar entre dois litros e meio, no máximo três, é o suficiente”, orienta Roberto Zatz, nefrologista professor da Universidade de São Paulo (USP). E mesmo isso não é regra, pois nossa necessidade de água flutua de acordo com o calor do dia, a umidade, o quanto nos movimentamos e por aí vai.

Veja também:

Se manter hidratado é importante porque a água transporta as substâncias no nosso corpo, tanto para nos alimentar quanto para eliminar resíduos pela urina.

Por isso, no geral, a regra é escutar o corpo. E o xixi é um ótimo termômetro. Se ele estiver amarelo clarinho, sinal de que você está hidratado. Agora se aparecer amarelo escuro, e não for aquele primeiro xixi da manhã, melhor aumentar os goles. A sede é sinal de que a água já está em falta no organismo, então quando ela aparecer, reponha os líquidos assim que possível.

Ou seja: nada de errado em ficar com a garrafinha do lado, mas também não é preciso exagerar. As exceções ficam por conta das pessoas com tendência a terem cálculos renais, por histórico familiar ou se já tiveram alguma vez na vida, que devem caprichar na hidratação, sob orientação médica.

Já os portadores de doença renal crônica, pelo contrário, devem maneirar no consumo, pois o órgão vai perdendo com o tempo sua capacidade de filtrar os líquidos.

E os sucos?

A recomendação é para líquidos, então outras bebidas entram nessa conta. “Costumo dizer aos meus pacientes que sucos naturais e chás contam”, explica Kalil.  Mas não adianta tomar um litro ao dia de refrigerante e outras bebidas com açúcar e aditivos químicos.

Até comidas têm água. “Se pensarmos na quantidade proveniente da comida, já teremos uma ingesta de cerca de um litro ao dia”, tranquiliza Zratz. Alimentos como melancia e melão são boas fontes de hidratação em dias mais quentes, por exemplo.

Tem limite?

Normalmente, não. “Seriam necessários 15 litros de líquidos ao dia para sobrecarregar um rim saudável”, calcula Zatz. Há, entretanto, um caso especial. Maratonistas e corredores de longa distância não devem ficar sem tomar água, mas também não podem beber muito de uma vez depois do esforço intenso.

É que, ao receber um grande volume do líquido, o sangue pode ficar diluído e os sais minerais desequilibrados, condição que pode trazer complicações para o organismo. “O indivíduo pode ter dor de cabeça, mal-estar, náusea e, em casos mais graves, até óbito”, explica Kalil. A dica é fracionar as goladas e parar assim que a sede tiver ido embora.

VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook • Instagram • YouTube

Alimentação