PUBLICIDADE

Topo

Saúde

Sintomas, prevenção e tratamentos para uma vida melhor


Saúde

Ter rinite, asma ou dermatite aumenta o risco de sofrer problema mental

iStock
Imagem: iStock

Do VivaBem, em São Paulo

25/04/2018 12h18

Quem sofre com reações como dermatite atópica, rinite alérgica ou asma têm maior risco de desenvolver doenças mentais, de acordo com estudo publicado na revista Frontiers in Psychiatry.

A ideia de que esse trio de doenças esteja relacionado à saúde mental pode parecer inesperada, mas surgiu a partir de observações do clínico Nian-Sheng Tzeng, principal autor da pesquisa. Tzeng notou que tais problemas físicos costumavam estar acompanhados de alterações psicológicas e quis investigar a relação.

Veja também:

“Como clínico, observei que alguns pacientes que contam com as três doenças sofrem emocionalmente. Por isso, quis esclarecer se as doenças alérgicas estão associadas a distúrbios psiquiátricos”, contou Tzeng.

O primeiro passo foi buscar na literatura científica pistas de que poderia haver um relacionamento entre coceira na pele, corrimento nasal, peito ofegante e saúde mental.

Um antigo estudo dinamarquês, por exemplo, mostrou que “crianças com dermatite atópica, asma ou rinite tiveram mais problemas emocionais, de conduta e hiperatividade”. No entanto, poucas pesquisas anteriores olharam especificamente para a relação das três doenças com riscos de distúrbios psiquiátricos.

Para enriquecer o conhecimento científico nesta área, os cientistas coletaram dados do Programa Nacional de Seguro de Saúde de Taiwan e conseguiram reunir 15 anos de informações de pessoas de todas as idades. No total, o estudo envolveu 46.647 pessoas com doenças alérgicas e 139.941 sem alergias.

Vamos aos números?

A pesquisa mostrou que 6,7% dos participantes sem condições alérgicas desenvolveram condições psiquiátricas com o passar do tempo. Enquanto para aqueles com condições alérgicas, esse número subiu para 10,8%.

Os dados dos alérgicos mostram que apenas os grupos com dermatite atópica isolada e a combinação de rinite com dermatite estão associados a um menor risco de transtornos psiquiátricos. Todos os outros grupos --com asma isolada; rinite isolada; asma e rinite; asma e dermatite; e os três problemas juntos -- foram associados a um maior risco de transtornos psiquiátricos. 

Os pesquisadores também mostraram que o uso de certos medicamentos para asma diminui o risco de desenvolver um distúrbio psiquiátrico.

Mas qual a relação?

Nos últimos anos, há uma grande discussão sobre inflamações e como elas afetam a saúde mental --particularmente com a depressão e a ansiedade. Infelizmente, o estudo em questão não conseguiu responder à questão, mas aumenta a evidência de que existe algum tipo de interação entre condições alérgicas e psiquiátricas.

Ficam as hipóteses: se alguém tem inflamação na pele causada por uma alergia, também pode ter inflamação no cérebro; ou é possível que o estresse de uma condição alérgica agrave os sintomas psiquiátricos que já existem. A resposta provavelmente será uma via de mão dupla complexa.

E se você sofre de alguma dessas doenças sabe bem que às vezes elas geram um ciclo vicioso. Por estar ansioso na vida, você pode acabar coçando a pele, isso a deixa dolorida e acaba aumentando a ansiedade.

"Gostaríamos de permitir que os médicos que cuidam de pacientes com doenças alérgicas saibam que o risco de doenças psiquiátricas pode ser maior", declarou Tzeng.

VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook • Instagram • YouTube

Saúde