Topo

Alimentação

Ideias e informações para você comer melhor


Alimentação

O que é mais saudável: pizza ou hambúrguer?

iStock
Imagem: iStock

Gabriela Ingrid

Do VivaBem

06/04/2018 04h10

Na sexta-feira à noite, para acompanhar aquele filme que você demorou horas para escolher, o que você prefere: pizza ou hambúrguer? Tomar essa decisão não é fácil; afinal, são os dois pratos mais amados nos dias em que enfiar o pé na jaca está liberado. No entanto, algumas considerações de especialistas no assunto podem ajudá-lo a decidir qual é a opção mais saudável.

De acordo com Adriana Ávila, colaboradora técnica do CRN-3 (Conselho Regional de Nutricionistas), o hambúrguer é a melhor escolha, por conta de suas qualidades nutricionais. “Você tem energia, proveniente do carboidrato do pão, a proteína da carne e do queijo e as fibras e vitaminas do alface e do tomate”, explica ela.

Quando comparados aos do hambúrguer, os componentes nutricionais da pizza são menores, já que só tem o carboidrato da massa e a proteína do queijo (se formos pensar na pizza mais famosa de todas, a de muçarela).

Leia também:

Dá para os dois serem saudáveis, se você prepará-los em casa

Segundo Nayara Oliveira, nutróloga do Hospital e Maternidade São Luiz Anália Franco (SP), se os ingredientes forem bem escolhidos e preparados, ambas opções podem se tornar parte de uma dieta equilibrada. “As opções mais saudáveis são as que dão preferência aos alimentos in natura ou minimamente processados”, diz Oliveira.

“Assim, para a elaboração do prato, é importante focar em alimentos nutricionalmente balanceados e saborosos, colaborando com o prazer de comer de uma forma saudável.” Ou seja, em vez de botar aquela pizza congelada no forno, o ideal é que você a prepare em casa (e não a entupa de queijo). 

De acordo com Durval Ribas Filho, médico nutrólogo e presidente da Abran (Associação Brasileira de Nutrologia), o ideal de uma refeição é sempre ter carboidrato e proteínas, gordura e vegetais e, neste caso, é possível que a pizza e o hambúrguer tenham todos esses componentes nutricionais. “Dependendo da montagem, os dois são recomendáveis, pois possuem carboidrato (massa/pão) e proteína (carne/frango), além de vegetais”, diz ele.

Se o hambúrguer for caseiro, melhor ainda, já que não tem os conservantes usados pelas redes de fast food - iStock
Se o hambúrguer for caseiro, melhor ainda, já que não tem os conservantes usados pelas redes de fast food
Imagem: iStock

Cuidado com os acompanhamentos (e o refrigerante)

Ao elencar qual é mais saudável, os detalhes também são importantes. “Não adianta nada você pedir um hambúrguer, que tem mais valor nutricional, e encher o lanche de maionese, ketchup e mostarda, repletos de calorias, sódio e gordura”, explica Adriana Ávila.

Maria Flávia Sgavioli, nutricionista da clínica Estima Nutrição, SP, concorda: “A maionese, por exemplo, é basicamente uma fonte de gordura saturada. Mas se a gente pedir um lanche sem maionese, acompanhado de salada e sendo um bom hambúrguer, existe valor nutricional nesse prato.”

Ficou pensando na pizza? Sgavioli explica que o que realmente pesa é o recheio. O queijo costuma vir em excesso e geralmente são opções muito gordurosas. Isso sem contar na calabresa, no pepperoni e na borda recheada. “Consumir açúcar, farinha, sódio e gordura saturada em um único pedaço é pesado para o corpo. E, normalmente, as pessoas comem vários, piorando ainda mais a situação.”

Ah, e fuja dos refrigerantes. Além de terem calorias vazias (sem nenhum outro nutriente importante, como vitaminas, minerais e fibras), essas bebidas costumam ter um altíssimo índice de açúcar. Para se ter ideia da quantidade, uma lata de refrigerante de cola tem o equivalente a 7 colheres de chá de açúcar. “O ideal seria o suco natural sem açúcar”, recomenda o nutrólogo Durval Filho.

Resolveu preparar em casa?

Fuja da calabresa e do pepperoni. Pizza boa tem massa fina e leve e ingredientes saudáveis - iStock
Fuja da calabresa e do pepperoni. Pizza boa tem massa fina e leve e ingredientes saudáveis
Imagem: iStock

Se você decidiu deixar a preguiça de lado e preparar seu próprio jantar, pode escolher qualquer um dos dois, desde que com alguns cuidados. A massa da pizza ou o pão de hambúrguer podem ser feitos com farinha integral, cereais e castanhas, sem adição aumentada de conservantes ou açúcar e sal.

Na hora do preparo, boas escolhas para cada um fazem deles as melhores opções. Veja dicas:

Se escolher a pizza, você pode optar por massa fina e descartar bordas com recheio, e prefira o molho de tomate caseiro e fresco ao pronto para uso. Para o recheio, aposte em verduras e legumes frescos, assim como ovos e carnes não processadas. Um cuidado à parte deve ser tomado na escolha do queijo: opte pelos com menos sal e gordura na composição, como ricota, cottage e frescal. Para finalizar, ervas finas frescas como manjericão, alecrim e orégano podem ser acrescentadas.

Se escolher o hambúrguer, siga a regra da pizza na escolha do queijo. Se preferir carne vermelha, escolha uma com menor teor de gordura. Peixe, frango e porco também são opções de hambúrguer, desde que não sejam processados. O ovo acompanhando a carne pode ser uma boa escolha e garante mais valor proteico. Para os adeptos de alimentação vegetariana, é possível optar por hambúrgueres de grãos (grão de bico, soja e lentilha). Por fim, capriche na salada (folhas e legumes) que acompanha os demais ingredientes do hambúrguer.

VIVABEM NAS REDES SOCIAIS
Facebook • Instagram • YouTube

Mais Alimentação