PUBLICIDADE

Topo

Quais são os alimentos com maior concentração de vitamina C?

Já ouviu falar em camu-camu? Esta frutinha originária da Amazônia é rica em vitamina C - Robson Ventura/Folhapress
Já ouviu falar em camu-camu? Esta frutinha originária da Amazônia é rica em vitamina C Imagem: Robson Ventura/Folhapress

Carol Salles

Colaboração para o VivaBem

05/05/2018 04h10

Essencial para o bom funcionamento do sistema imunológico, cicatrização dos tecidos e crescimento dos ossos, a vitamina C também melhora a absorção de ferro, a síntese de colágeno e inibe a formação de nitrosaminas, composto presente em embutidos e que, em testes realizados em animais, comprovou-se que são agentes cancerígenos. Também tem poder antioxidante. Ou seja, ​colabora para a oxidação natural do organismo, que nada mais é do que a ação do oxigênio que respiramos sobre as nossas células.

Leia também: 

Se você não tem certeza que consome a quantidade recomendada, que gira em torno de 75 a 90 miligramas por dia, relaxe: a grande maioria de nós dá conta do recado, já que ela é presente em muitos vegetais e frutas. A seguir, veja uma lista dos 8 alimentos campeões em vitamina C. E surpreenda-se: a laranja não aparece nesta lista.

8 alimentos ricos em vitamina C

  • Reprodução/UOL

    Camu-camu

    2.606 mg de vitamina C em 100 g do alimento: a frutinha típica da região amazônica lidera o ranking. Pequena, do tamanho de uma jabuticaba, seu cultivo ainda é restrito ao mercado regional.

  • Getty Images

    Acerola

    1.506 mg de vitamina C em 100 g do alimento: de sabor ácido, possui também carotenoides, importantes para manter o sistema imunológico em bom funcionamento e para a cicatrização de tecidos.

  • iStock

    Caju

    258 mg de vitamina C em 100 g do alimento: também possui zinco, que exerce papel vital no fortalecimento das defesas do organismo contra infecções, e flavonóides, compostos com propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias.

  • iStock

    Pimentão amarelo

    190 mg de vitamina C em 100 g do alimento: de forma geral, todos os pimentões possuem boas quantidades de vitamina C, embora o amarelo ganhe nesse quesito. É também fonte de vitaminas do complexo B e apresenta ação termogênica discreta, elevando a temperatura corporal.

  • iStock

    Mexerica

    112 mg de vitaminca C em 100 g do alimento: também tem potássio, mineral importante na contração muscular e que ajuda a regular a pressão arterial.

  • Getty Images

    Couve

    103 mg de vitamina C em 100 g do alimento: rica em fibras, também é fonte de cálcio e magnésio, minerais importantes para a saúde óssea, além de vitamina K, que regula a coagulação do sangue.

  • iStock

    Goiaba branca

    98 mg de vitamina C em 100 g do alimento: tem mais vitamina C que a sua variação vermelha, além de apresentar carotenoides, fundamentais para prevenir a degeneração macular (perda de visão no centro do campo visual).

  • iStock

    Brócolis

    89 mg de vitamina C em 100 g do alimento**: também tem ação antioxidante, além de ser fonte de vitamina E, potássio, cálcio e fibras.

Fonte: Os valores referentes à quantidade de vitamina C presente nos alimentos foram retirados da Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TACO) de 2017, exceto os marcados com * (Inpa - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia) e ** (USDA - Departamento de Agricultura dos Estados Unidos). Clarissa Hiwatashi Fujiwara, nutricionista e membro do Departamento de Nutrição da Abeso (Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica, e Fabiana Poltronieri, conselheira do CRN3 (Conselho de Nutricionistas 3ª Região), em São Paulo (SP), também foram consultadas pela reportagem.