Topo

Viagem

Roteiros gastronômicos


A pequena Pirque é alternativa para enoturismo nos arredores de Santiago

Vista da vinícola Haras de Pirque, no Chile - Diuvlgação
Vista da vinícola Haras de Pirque, no Chile Imagem: Diuvlgação

Mari Campos

Colaboração para o UOL

02/12/2019 04h00

Santiago é uma escapada comum para os brasileiros por seus bons restaurantes, museus e compras. Mas são as vinícolas das regiões próximas à capital que estão ganhando os holofotes entre os visitantes que procuram o destino.

Entre os destaques, está a pequena comuna de Pirque, no Vale do Maipu. A somente 45 minutos do Aeroporto Internacional Arturo Merino Benítez, a cidade esbanja tranquilidade e clima do interior, mas exibe estrutura para, entre uma taça e outra, ver o tempo passar mais lento com muito conforto.

Vinícolas para todos os bebedores

Vista da vinícola Haras de Pirque, no Chile, construída em forma de ferradura - Diuvlgação
Vista da vinícola Haras de Pirque, no Chile, construída em forma de ferradura
Imagem: Diuvlgação

Para quem está atrás de produções já consagradas, a Haras de Pirque já é uma das mais conhecidas pelos brasileiros. Parte hoje do conceituado grupo italiano Antinori, a vinícola tem seu edifício em formato de ferradura, refletindo a paixão do dono por cavalos.

A visita guiada acontece todos os dias a 20.000 pesos chilenos (cerca de R$ 105 em conversão de 22/11/2019), mas melhor ainda é ficar para almoçar no restaurante Hussonet, com vista desobstruída para os vinhedos. O menu, que muda quase todo dia, utiliza sempre ingredientes locais muito frescos, com opções que vão de pratos vegetarianos aos melhores cortes de carne. Há também uma opção de menu degustação de cinco tempos harmonizado com um vinho a US$ 60 (R$ 252 em conversão de 22/11/2019).

Os visitantes de Pirque que procuram vinícolas menores também encontram diversos pequenos e médios produtores, que oferecem experiências ainda mais diferenciadas em suas degustações.

Vista lateral da vinícola Haras de Pirque, no Chile, direto para a Cordilheira dos Andes - Diuvlgação
Vista lateral da vinícola Haras de Pirque, no Chile, direto para a Cordilheira dos Andes
Imagem: Diuvlgação

Exemplo disso é a vinícola familiar Alyan Wines, que recebe seus visitantes de maneira bem informal e descontraída. Reservar o tour com antecedência é recomendado, mas eles sempre dão um jeitinho de receber bem quem aparece no susto também. O preço do passeio é 24000 pesos (cerca de R$ 125 em conversão de 22/11/2019).

A sede da Alyan Wines, em Pirque, no Chile - Divulgação
A sede da Alyan Wines, em Pirque, no Chile
Imagem: Divulgação

Com orientações de uma sommelière, cada vinho é degustado em um local determinado diferente, que pode ser um delicioso pátio mobiliado com jeito de lounge em meio às videiras ou um bar antigo de madeira entre os tonéis de armazenamento dos vinhos em produção.

A prova final acontece no terraço do segundo andar da casa principal com os vinhos mais nobres da casa acompanhados de uma imensa tábua de queijos e frios artesanais da região com vista panorâmica espetacular para os vinhedos e os Andes - extremamente fotogênica, a vinícola apresenta a cordilheira sempre à vista.

A colheita de uvas para a produção do vinho da Alyan Wines, em Pirque, no Chile - Divulgação
A colheita de uvas para a produção do vinho da Alyan Wines, em Pirque, no Chile
Imagem: Divulgação

Quem faz a última visita do dia, às 16 horas, dependendo da época do ano tem a sorte de contemplar a vista bem na hora do pôr do sol.

Além do brinde

Uma boa pedida para não ficar somente nas degustações é visitar seu adorável mercado-cooperativa Origen, que vende produtos orgânicos de pequenos produtores locais. Além de muitas frutas, verduras, legumes e flores, o espaço também comercializa outras delícias, como compotas, embutidos, doces, queijos e sorvetes artesanais.

A cafeteria instalada dentro do mercado também é excelente pedida para uma pausa.

Onde ficar

Palácio da Majadas de Pirque, hotel-boutique - Divulgação
Palácio da Majadas de Pirque, hotel-boutique
Imagem: Divulgação

Não é fácil encontrar parada mais em conta por Pirque - com exceção de pequenas pensões ou quartos em casa de família. No entanto, a cidade abriga um hotel-boutique com design ultra contemporâneo - mas bucolicamente instalado no maior jardim da região de Santiago.

O Majadas de Pirque está instalado em um prédio de dois andares e oferece 50 quartos com varandas e vista para o belo jardim. Com proposta sustentável, não há TV nem ar condicionado, mas há calefação para os dias mais frios.

Logo à frente, um palácio histórico localmente chamado de "castelo" e projetado pelo arquiteto chileno Alberto Cruz Montt no ano de 1907 atende o lado business da propriedade, mas também é liberado para os hóspedes e abriga uma cafeteria aberta ao público.

O maior trunfo da propriedade, no entanto, é seu descolado restaurante. Aberto para café da manhã, almoço e jantar, tem serviço atencioso e menu que muda constantemente, baseado na sazonalidade.

Roteiros gastronômicos