PUBLICIDADE

Topo

Universa

Que tipo de curioso é você?

Getty Images
Imagem: Getty Images

Avalie se você sabe usar a curiosidade a seu favor, a partir do teste elaborado com a colaboração de Lilian Graziano e Cristiane Moraes Pertusi, psicólogas pela USP (Universidade de São Paulo)

  • Bem-intencionado

    Getty Images

    Você é solícito e gosta de ajudar as pessoas, por isso está sempre atento e não perde um detalhe do que acontece ao redor. Isso não é um problema, mas fique atento, pois sua curiosidade bem-intencionada pode ser mal interpretada e incomodar. "É preciso respeitar o espaço das pessoas e entender que elas têm livre arbítrio para aceitar ou não ajuda", afirma a psicóloga Cristiane Moraes Pertusi

    Gostou do resultado? Compartilhe!

  • Curioso demais

    Getty Images

    Você está sempre pelos cantos ouvindo a conversa alheia e não perde a oportunidade de repassar adiante as informações que recebe. "Bisbilhotar a vida das pessoas é perda de tempo. É gastar energia com o que não agrega nem nos faz crescer", diz a psicóloga Lilian Graziano. Procure conhecer a si mesmo e utilizar a sua curiosidade para desenvolver um projeto pessoal, por exemplo

    Gostou do resultado? Compartilhe!

  • Curioso na medida

    Getty Images

    Em plena era do conhecimento, você sabe que quem é curioso se destaca. Mas isso não significa que você gasta seu tempo procurando informações que não lhe acrescentam nada. Pelo contrário! "A curiosidade nos permite crescer e amadurecer a partir do momento em que ficamos abertos a descobrir, explorar, conhecer e ampliar a nossa visão de mundo", declara a psicóloga Cristiane Moraes Pertusi

    Gostou do resultado? Compartilhe!

  • Não é nada curioso

    Getty Images

    Acomodado, você não se interessa por buscar novas informações e, muitas vezes, acaba isolado em seu próprio mundo. De acordo com a psicóloga Lilian Graziano, o risco de persistir nesse comportamento é ficar estagnado. "A pessoa fica para trás profissional e pessoalmente, pois não busca sequer novas formas de ser feliz", diz a especialista. Um bom começo é experimentar encontrar algo de que gosta e tentar manter-se atualizado

    Gostou do resultado? Compartilhe!

Universa