PUBLICIDADE

Topo

Mães e filhos

Joanna Maranhão relembra abuso e homenageia a mãe: "Se manteve uma rocha"

Joanna Maranhão após o nascimento do filho Caetano, ao lado da mãe Teresinha - Reprodução / Instagram
Joanna Maranhão após o nascimento do filho Caetano, ao lado da mãe Teresinha Imagem: Reprodução / Instagram

De Universa

09/05/2021 12h34

A ex-nadadora olímpica Joanna Maranhão usou o Instagram para homenagear a mãe, Teresinha Maranhão. Relembrando os traumas que desenvolveu após ser abusada por um treinador na infância, ela elogiou a postura da mãe, dizendo que permaneceu firme ao seu lado, dando o apoio de que precisava.

"Mainha não apenas me deu a vida, ela me fez permanecer viva. Não por uma ou duas, mas várias vezes. Quando enfrentei o passado e tinha crises de ansiedade em casa onde eu me arranhava e gritava o que ele tinha feito comigo e pedia socorro. Socorro pra lidar com aquelas memórias. Ela sabia que se aproximar seria pior e ficava ali do lado, firme e sem derramar uma lágrima — deixava pra desabar quando saía das minhas vistas. Foram inúmeros episódios, desmaios súbitos, crises de apatia e ansiedade, consultas intermináveis pra ajustar medicamento e presença constante nas arquibancadas mesmo eu nadando mal. Muito mal".

Quando fomos processadas por calúnia e difamação e tivemos que ficar de frente com quem violou meus direitos na infância ela se manteve uma rocha. 'Olha no meu olho e diz que você não fez nada com minha filha'.

Joanna relembrou ainda o suporte que recebeu após sofrer um aborto espontâneo e durante o parto do filho, Caetano, que agora tem 1 ano e 9 meses.

"Anos se passam, sofro aborto espontâneo. Ela pega um avião e vai pra cirurgia de curetagem comigo, aos prantos eu digo que não vou suportar mais essa dor. Ela afirma que vou suportar e serei mãe em breve. 4 meses depois mando mensagem e ela responde: 'Eu já sabia'. Quando dilatei 10cm e tava com muita dor, ela ficou atrás de mim dando suporte, Caetano saiu de mim e pegou na mão dela. Enfim, eu sou porque ela me permitiu ser. Persistiu por mim. Te amo, mainha", finalizou.

Mães e filhos