Topo

Jovem não-binário vence prêmio de Rainha do Baile em escola nos EUA

Jovem não-binário, Trevor Meyer vence prêmio de "Rainha do Baile" em escola nos EUA - Reprodução/Fresnobee.com
Jovem não-binário, Trevor Meyer vence prêmio de "Rainha do Baile" em escola nos EUA Imagem: Reprodução/Fresnobee.com

De Universa, em São Paulo

14/10/2019 17h25

Um estudante de gênero não-binário recebeu a coroa de "Rainha do Baile" em uma escola na Califórnia, nos Estados Unidos.

Trevor Meyer já havia concorrido a "Rei do Baile" quando era mais jovem e ainda não havia se descoberto como não-binário, mas não levou o prêmio. Desta vez, Trevor resolveu concorrer ao posto na categoria feminina e ganhou o apoio de seus amigos, que votaram a seu favor.

"Antes do anúncio, meu coração estava disparado e eu estava numa montanha-russa de emoções. Eu acho que é importante que todos participem e sejam eles mesmos", disse Meyer à NBC News.

"A multidão estava cantando seu nome tão alto que tudo estava zumbindo", disse a irmã de Trevor, Shelbey Weidemann.

Trevor Meyer ganhou prêmio de "Rainha do Baile" nos Estados Unidos - Reprodução/Fresnobee.com
Trevor Meyer ganhou prêmio de "Rainha do Baile" nos Estados Unidos
Imagem: Reprodução/Fresnobee.com

"É claro que eu tinha dúvidas se Trevor venceria, mas a partir do momento em que anunciaram, não se conseguia ouvir nada além dos aplausos da multidão."

Após o evento, Trevor comemorou com seus amigos em uma pizzaria. Embora a manifestação de apoio de seus colegas tenha sido evidente, nem todos apoiaram sua vitória. Várias pessoas expressaram suas opiniões contrárias à decisão em uma página no Facebook que cobriu o evento.

"Alguns desses comentários são apenas de pessoas que querem que Trevor morra, pensando que sua expressão de gênero é 'nojenta'", disse Shelbey.

Trevor ainda ressaltou que não pensa nos comentários negativos. Em vez disso, os vê como oportunidades para promover o diálogo e educar os outros sobre identidade de gênero. "Honestamente, adoro quando eles falam de mim, porque abre a conversa sobre identidade que levará à aceitação um dia."

Além da vitória histórica de Trevor como a primeira rainha não-binária do baile em Clovis East, a coroa do rei do baile foi concedida a um aluno do programa de educação especial da escola.

"Ambas as vitórias são muito significativas e mostram como o corpo docente é amável e solidário", disse Shelbey Weidemann.

Kelly Avants, diretora de comunicações da escola na Califórnia, observou que as vitórias históricas deste ano exemplificam o legado da instituição de reconhecer alunos de diversas origens.

"Para a Clovis East High School, nosso corpo docente é muito inclusivo e acolhedor. Existe uma longa tradição nessa escola de ser um local que acolhe todos."

Meyer disse acreditar que a vitória significa uma conquista em termos de representatividade para a comunidade LGBTQ+.

"Obviamente, há mais coisas que precisamos fazer como comunidade, mas este é o primeiro de muitos passos. Durante o resto deste ano, tentarei o meu melhor para garantir que use esta plataforma para falar sobre a importância da representatividade", concluiu.

Diversidade