PUBLICIDADE

Topo

Pausa

Pare, respire e olhe o mundo ao redor


Pausa

Como Pogobol: veja brinquedos do passado para presentear nesse Natal

Pogobol vai voltar! - Reprodução
Pogobol vai voltar! Imagem: Reprodução

Marcos Candido

Da Universa

09/12/2018 04h00

A Estrela anunciou nesta semana o relançamento do Pogobol, um clássico lançado para o Natal de 1987. A receita é simples e, se você viveu entre as décadas de 80 e 90, deve lembrar: uma bola de borracha com uma base de plástico para sair pulando por aí (preço sugerido de R$ 159). Essa não é o único brinquedo nostálgico a ser revivido por empresas de brinquedos do passado. Veja outras opções que mexem com as memórias dos trintões nas lojas:

Pula Pirata

Pula pirata - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Um clássico que resiste às novas gerações, o Pula Pirata hoje custa cerca de R$ 90. As regras você deve se lembrar: o desafio é enfiar o máximo de 'espadinhas' (são 24, no total!) e evitar que o Pirata, incauto, salte do barril. Amamos.

Veja também

Super Nintendo

Super Nintendo - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

O Super Nintendo foi relançado em setembro do ano passado pela Nintendo. Lançado em 1990, a nova tiragem vem com um cabo e uma saída HDMI para ser adaptado aos televisores de hoje em dia. É possível comprá-lo no Brasil por preços que variam de R$ 700 a R$ 1 mil. Console e controle têm design mantidos para saudosista nenhum botar defeito.

Genius

Genius, da Estrela - Reprodução - Reprodução
Genius, da Estrela
Imagem: Reprodução

Clássico absoluto, o Genius foi relançado no formato convencional e o mini. É preciso repetir uma sequência de cores sem errar, em quatro níveis diferentes de dificuldade. O tamanho tradicional sai por volta de R$ 189, enquanto a versão menor é uma boa para o amigo-secreto: R$ 59

Cara a Cara (Feminista)

Cara a cara feminista - Divulgação - Divulgação
Cara a cara feminista
Imagem: Divulgação

O jogo de tabuleiro "Cara a Cara" só com grandes mulheres notáveis da história está sendo financiado on-line. Diferente da versão original, em vez dos jogadores falarem aspectos físicos da personagem, é preciso falar quais foram os feitos que elas fizeram para a sociedade.

A receita continua a mesma: um dos jogadores levanta a plaquinha de um lado, e o adversário precisa acertar qual a figura a partir de dicas. O jogo está sendo repensado por uma designer polonesa e pode ser comprado pelo site de financiamento coletivo Kickstarter.

Tapa Certo

Tapa Certo - Reprodução/YouTube - Reprodução/YouTube
Imagem: Reprodução/YouTube

O Tapa Certo sempre gerava bagunça quando foi lançado, no final dos anos 80. Você cresceu e agora pode comprar um kit completamente novo deste clássico da infância brasileira. O objetivo é usar a mão com uma ventosa para pegar uma figura que é anunciada por um dos jogadores. A Estrela ainda vende o Tapa Certo por R$ 29,99.

Pausa