PUBLICIDADE

Topo

Direitos da mulher

Para Claudia Raia, mulher é corajosa: "Enjoei da palavra 'empoderada'"

Claudia Raia - Iwi Onodera/Brazil News
Claudia Raia Imagem: Iwi Onodera/Brazil News

Carolina Martins

Colaboração para Universa

15/03/2018 10h42

Reconhecida por encarnar tipos diversos de mulheres ao longo de sua carreira, Claudia Raia se prepara para um novo desafio: dar voz a uma ex-atriz de pornochanchada na próxima novela das 19h da Globo, "Anos Incríveis".

"É uma mulher sexy sem dúvida nenhuma. Nunca tive pudor em mostrar meu corpo porque sou atriz. Somos atores e temos que fazer tudo, até raspar a cabeça e sair pelada, e eu faria isso tudo por um personagem maravilhoso”, disse.

Veja também

Já se preparando para viver o novo papel, a atriz refletiu sobre o cenário atual de lutas e conquistas para a mulher na sociedade em conversa com a Universa durante o lançamento da coleção de joias "Pandora Shine" nesta quarta, 14, em São Paulo.

"Prefiro a palavra coragem do que empoderada. Enjoei um pouco dessa palavra. Eu acho que a coragem é uma virtude da mulher. A mulher sente a dor que o homem não sente, ela menstrua todo mês, ela tem filho, ela amamenta... Sem dúvida nenhuma, o ser feminino é corajoso”.

Claudia ainda relembrou momentos difíceis de sua trajetória e falou de uma mulher que ajudou a despertar nela esta coragem: sua mãe.

"Eu acho que a mulher está ficando cada vez mais liberada para ser corajosa. Tem gente que já vai desbravando tudo que nem uma louca como eu por exemplo. Aos 13 anos eu falei para minha mãe que iria para Nova York e que, se ela não deixasse, eu fugiria".

"Eu fui porque ela resolveu se aliar a mim. Eu era um passarinho que queria voar e se eu não voasse eu quebraria tudo e aí seria pior. Ela foi corajosa e inteligente além de tudo. E aí fiz uma aliança com ela para a vida inteira, claro”, revelou. “Mas eu fui atrás do que era meu. Aos 18 anos não tinha ninguém que produzisse musical nesse país. Eu vendi um carro e um flat que eu tinha e produzi. Eu tive oportunidades e agarrei. E eu acho que é isso que a mulher tem que fazer e sem medo”.

Mãe de dois filhos, Enzo e Sophia, frutos de seu casamento com o ex, Edson Celulari, Claudia ainda contou qual foi o presente especial que deu à filha em sua festa de debutante, em janeiro.

"Ela é talvez mais calma que eu. Quando ela fez 15 anos, cada pessoa falou uma palavra na hora do parabéns. Eu desejei: 'Liberdade, minha filha. Nunca deixe ninguém e nem nada impedir que você seja a mulher que você quiser ser'. Ela quase morreu", se divertiu Claudia.

Direitos da mulher