Topo

Mães e filhos


Mães e filhos

Angelina Jolie diz que adoraria que os filhos trabalhassem em Hollywood

Angelina Jolie com os filhos Maddox e Pax no Festival Internacional de Cinema de Toronto - Getty Images
Angelina Jolie com os filhos Maddox e Pax no Festival Internacional de Cinema de Toronto
Imagem: Getty Images

do UOL, em São Paulo

12/09/2017 09h37

A estreia de "First They Killed My Father", o filme que Maddox Jolie-Pitt, de 16 anos, produziu (e que a mãe dirigiu), deixou Angelina Jolie na esperança de que mais dos filhos escolham seguir uma carreira em Hollywood

Durante a première da produção no Festival Internacional de Cinema de Toronto, nesta última segunda, dia 11, a atriz revelou que o filho trabalhou duro no projeto. Perguntada pelo site americano "E! Online" se achava que ele poderia seguir no mundo do cinema, Angelina respondeu: "Este filme é muito importante para ele, então acho que sim. Mas a decisão é dele". 

Angelina Jolie com os seis filhos, Maddox, Pax, Zahara, Shiloh, Vivienne e Knox, além dos atores Kimhak Mun e Sareum Srey Moch, de seu filme, "First They Killed My Father", durante o Festival Internacional de Cinema de Toronto - Getty Images
Angelina Jolie com os seis filhos, Maddox, Pax, Zahara, Shiloh, Vivienne e Knox, além dos atores Kimhak Mun e Sareum Srey Moch, de seu filme, "First They Killed My Father", durante o Festival Internacional de Cinema de Toronto
Imagem: Getty Images

"Eu posso sonhar... Se eu continuar neste negócio, adoraria trabalhar com os meus filhos, se eles escolherem estar nesta indústria". Ela ainda disse que espera que as crianças sigam as próprias paixões na vida e o mesmo vale para um trabalho humanitário semelhante ao da mãe.

"Minha filha Shiloh já foi aos campos de refugiados. Toda vez que eu faço viagens humanitárias, eles querem ir comigo. Eu nunca os forço. Quero que eles respeitem a diversidade das pessoas".