PUBLICIDADE

Topo

Universa

Não importa o grau da sofrência: 12 "feminejos" para cada etapa do romance

Daniela Carasco

do UOL

26/06/2017 04h00

Marília Mendonça, Maiara e Maraísa e outras estrelas femininas (e feministas!) da nova música sertaneja chegaram para provar que, não importa o grau da sofrência, sempre vai ter um "feminejo" para embalar o romance.

Aqui, reunimos 12 letras dessas artistas que poderiam servir de trilha para qualquer momento com o seu crush. Ouça essas modas e veja se seu coração não "guenta".    

1- Quando o amor platônico, finalmente, vira realidade! 

“E na hora que eu te beijei. Foi melhor do que eu imaginei. Se eu soubesse tinha feito antes.” ("Medo bobo" – Maiara & Maraisa)

2 - Mas aí as coisas começam a ficar sérias e você só quer curtir

“Nada a ver, não tô querendo um casamento com você. Daqui uns dias todo mundo vai saber. Cê tá levando a sério o nosso rolo e é rolo.” (“É rolo” – Maiara & Maraisa)

3 - E então, inevitavelmente, o amor chega pra ficar

“Quando eu saio pra rua quero te encontrar. Justo eu que não queria me apegar. E agora tô te amando.” (“Deixa que eu cuido da gente” – Paula Mattos)

4 - Só que as máscaras começam a cair e o ciúme dá as caras

“Não venha, não. Eu vivo do jeito que eu quero, não pedi opinião. Você chegou agora e tá querendo mandar em mim. Da minha vida cuido eu.” (“Folgado” – Marília Medonça)

5 - E o que você mais temia acontece... TRAIÇÃO!

“Bonito! Que bonito, hein! Que cena mais linda. Será que eu estou atrapalhando o casalzinho aí?” (“50 reais” – Naiara Azevedo)

6 - E aí bate aquela decepção

“Iêêêê, infiel. Eu quero ver você morar num motel. Estou te expulsando do meu coração. Assuma as consequências dessa traição” (“Infiel” – Marilia Mendonça)

7 - Para curar tanta surra no coração, só um porre daqueles

“Esse garçom não me ajuda. Já trouxe a milésima saideira (...) A terceira música nem acabou. Eu já to lembrando da gente fazendo amor” (“10%” – Maiara & Maraisa)

8 - E quando você menos espera, todo o drama se vai e sobram as lembranças boas

“É que eu te vejo em tudo, em cada canto dessa casa. Nos cabides, nas gavetas e na cama bagunçada. E no box do banheiro sempre que o vidro embaça. Tem seu nome, um coração e uma flecha atravessada.” (“Você faz falta aqui” – Maiara & Maraisa)

9 - Aí vem a recaída...

“Eu jurei não bater na sua porta. Olha eu batendo e quebrando outra promessa (...) Você é um problema que eu quero ter.” (“Sorte que cê beija bem” – Maiara & Maraisa)

10 - E então, a superação mostra a que veio

“Já tô indo embora, não vou chorar na sua frente. Você pra mim, amor, foi tudo. Não vai ser fácil encontrar um substituto.” (“Bom substituto” – Simone & Simaria)

11- E acontece aquela volta por cima merecida

“A partir de agora estou solteira. Já me cansei da brincadeira.” (“Alô Porteiro” – Marília Mendonça)

12- Porque, no fim, alguém criou a LU-CI-DEZ!

“Imagina se a gente tivesse casado. Deus me livre da roubada que eu ia entrar... dá um arrepio só de imaginar” (“Folgado” – Marília Medonça)

Universa