PUBLICIDADE

Topo

Universa

Com mais restaurantes, Londres quer ser a capital culinária do mundo

Da Ansa

16/08/2007 11h08

A cidade de Londres vive uma "época dourada" no setor culinário. Segundo informações divulgadas hoje pelo guia especializado Harden's, somente no ano passado a capital britânica assistiu à abertura de 158 novos restaurantes, incremento de 13% em relação ao ano anterior, um recorde histórico.

A variedade de cozinhas, pratos e sabores também é destaque, e faz com que Londres, segundo o guia, iguale-se a Nova Iorque como a capital culinária do mundo.

Peter Harden, co-editor da publicação, ressalta o crescimento notável no número de restaurantes dedicados à comida tradicional britânica. "Londres melhorou notavelmente sua oferta culinária, e agora é difícil ver áreas débeis em matéria de variedade de restaurantes", afirmou.

Para ele, a expansão no setor culinário tem como principal fator o período de grande crescimento econômico vivido pela Grã-Bretanha, quando os londrinos passaram a comer fora de casa com mais freqüência.

Dentre os principais restaurantes de Londres estão Bibendum, River Café, Nobu, Gordon Ramsay, no hotel Claridges, The Wolseley, Locanda Locatelli, Le Gavroche, Hakkasan e Montpeliano. (ANSA)

Universa