PUBLICIDADE

Topo

Universa

Clínica de infertilidade dá desconto em troca de óvulos

08/01/2008 12h40

Uma clínica de fertilização britânica está oferecendo desconto nos tratamentos de infertilidade para mulheres que doem seus óvulos para pesquisa científica.

O esquema, desenvolvido no Centro de Fertilidade de Newcastle, no norte da Inglaterra, vai oferecer desconto de 1,5 mil libras (cerca de R$ 5 mil) no tratamento de fertilização in vitro para as participantes.

Segundo os cientistas, a quantidade adicional de óvulos poderá auxiliar na pesquisa de terapias com células-tronco para doenças como o Mal de Parkinson.

Os óvulos utlizados na pesquisa serão usados para a criação de embriões, de onde as células-tronco serão derivadas.

A clínica selecionou 15 mulheres das 100 que se ofereceram para participar do projeto. Os primeiros tratamentos começam neste mês com seis das voluntárias.

Pagamento

Esta será a primeira vez que os pesquisadores poderão pagar pelos óvulos.
Antes do esquema, os cientistas tinham permissão de pedir apenas óvulos que não haviam sido fertilizados para uso nas pesquisas.

Foi com um óvulo obtido através desta forma que os pesquisadores em Newcastle criaram o estágio inicial de um clone de embrião humano, em 2005.

A Autoridade de Fertilização Humana e Embriologia autorizou o início do projeto, que deve durar dois anos.

Além disso, o time de pesquisadores do Instituto de Células-Tronco no Nordeste da Inglaterra, também foram autorizados a pedir às mulheres que produzem mais de 12 óvulos pelos "sobressalentes".

Para Alison Murdoch, que coordena a equipe, os pesquisadores esperam evoluir no processo de pesquisa.

"Nós queremos fazer progressos significativos nas pesquisas e esperamos poder ajudar muitos casais a construírem uma família através do tratamento de fertilização in vitro", disse.

"Fico pela excelente resposta das mulheres do Nordeste [da Inglaterra] para esta pesquisa importante", finalizou.

Universa