PUBLICIDADE

Topo

Universa

Brasileiros só ficam atrás de gregos em ranking de quem faz mais sexo

da BBC Brasil

17/04/2007 14h53

Os brasileiros estão em segundo lugar no ranking dos que fazem sexo com mais freqüência, de acordo com a Pesquisa Global de Bem-Estar Sexual, realizada em 26 países pela fabricante de preservativos 'Durex'.

Os brasileiros têm uma média de 145 relações sexuais por ano, com 82% das pessoas dizendo que fazem sexo pelo menos uma vez por semana.

O Brasil está bem acima da média global, de 103 vezes por ano. Os campeões de quantidade são os gregos (164 vezes). Empatados em terceiro lugar vêm os poloneses e russos (143 vezes por ano).

Em último lugar está o Japão, onde apenas 34% dizem que fazem sexo pelo menos uma vez por semana.

Mas em termos de qualidade, são os nigerianos que saem na frente, com 67% dos entrevistados dizendo que estão satisfeitos com sua vida sexual. Os mexicanos vêm em seguida e os indianos em terceiro lugar.

Mais uma vez os japoneses estão no fim da lista, com apenas 15% dizendo estar satisfeitos na cama. A média global de pessoas satisfeitas com sua vida sexual é de 44%.

Proximidade

A proximidade com o parceiro e a sensação de ser amado e respeitado foram apontadas como algumas das formas de se conseguir uma vida sexual satisfatória.

Cerca de 80% dos entrevistados satisfeitos na cama disseram que se sentem respeitados durante o ato sexual, 37% gostariam de estar menos cansados e estressados e 36% querem ter mais intimidade com o parceiro.

A primeira experiência sexual na vida de uma pessoa também apareceu como um dos fatores que podem definir a qualidade das relações ao longo da vida.

A pesquisa revelou ainda que duas vezes mais homens do que mulheres têm orgasmos regularmente.

A pesquisa da Durex entrevistou 26 mil pessoas em 26 países.

Universa