PUBLICIDADE
Topo

Surto de Coronavírus na China pode atrasar lançamento do iPhone 9

Apple tem sua produção prejudicada pelo surto de covid-19 na China  - Aly Song/Reuters
Apple tem sua produção prejudicada pelo surto de covid-19 na China Imagem: Aly Song/Reuters

De Tilt, em São Paulo

26/02/2020 20h06

A Apple pode ter de cancelar o lançamento do novo iPhone 9, seu mais recente smartphone de baixo custo, por causa da crise de covid-19 —nome técnico da atual mutação do surto de Coronavirus— que atinge a China. Segundo relatório da Nikkei Asian Review, o lançamento estava agendado para março. Mas, ele terá de ser adiado por conta da escassez de funcionários nas linhas de produção das fábricas do país asiático.

Os fornecedores de componentes dos aparelhos estão operando com 30% a 50% de sua capacidade, e isso está causando a perda de produção nas fábricas. Aliado a isto, se soma a falta de funcionários isolados pela quarentena imposta pelo governo chinês.

A produção em massa estava prevista para fevereiro, e o lançamento, agendado para março, segundo relatório inicial divulgado pela Bloomberg. A Apple já havia solicitado a seus fornecedores que preparassem até 15 milhões de unidades de seu produto mais acessível para o primeiro semestre de 2020, conforme informação da Nikkei Asian Review.

Com a recente crise, a marca estaria fazendo o possível para produzir e enviar o iPhone 9 até abril para suas distribuidoras, e assim não afetaria sua estratégia de marketing. Mas não só as fábricas preocupam pela lentidão acima do esperado. Os setores logísticos também estão sendo afetados pelo surto do vírus na Ásia.

Embora o relatório não seja confirmado pela marca, existe um sinal do impacto do surto de covid-19 em seus negócios. Na segunda-feira, a empresa californiana disse em nota que não espera cumprir suas metas de receita para o trimestre, devido as restrições de oferta e a desaceleração de demandas vindas da China.

O Novo iPhone 9

Espera-se que o novo modelo, que custará U$S 400 (R$ 1782,04) nos Estados Unidos, seja parecido com o iPhone 8 (2017), mas com componentes internos semelhantes aos do iPhone 11, lançado em 2019.

Existem especulações de que o novo smartphone seja chamado de iPhone SE 2 ou mantenha o nome de iPhone 9, pela semelhança com seu antecessor.

SIGA TILT NAS REDES SOCIAIS