Topo

iPhone XR: o melhor iPhone pelo menor preço do ano

Bruna Souza Cruz

Do UOL, em São Paulo

15/11/2018 04h00

Para a alegria de muita gente, a Apple decidiu lançar neste ano uma versão mais barata e atualizada do iPhone X. Em comparação com os irmãos iPhone XS e XS Max, ele é mais simples. Mas nem por isso merece ser rotulado como o pior celular entre os lançamentos de 2018 da empresa.

O iPhone XR tem o visual do iPhone X do ano passado, mas tem um melhor processador. As câmeras ótimas e chegou ao Brasil custando bem menos do que os R$ 6.999 da geração passada.

A versão mais simples do aparelho (64 GB) custa R$ 5.199, uma diferença de quase R$ 2.000.

Veja também

Antes de qualquer crítica quanto ao preço, precisamos lembrar que os celulares top de linha estão em faixas de preços bem altas. O Note 9, o celular mais poderoso da Samsung, foi lançado por R$ 5.499 na versão de 128 GB (dando uma pesquisada encontrei agora por R$ 4.839,12*).

Outro concorrente no páreo, o LG G7 ThinQ de 64 GB chegou custando R$ 3.999 (agora já é possível comprá-lo por cerca de R$ 2.639,12*). Pois é.

Por conta disso, abra seu coração e conheça um pouco mais sobre o modelo. Testamos o aparelho por alguns dias e o veredicto é: apesar de ser o mais simples entre os iPhones do ano, ele é excelente e tem grandes chances de conquistar o coração dos brasileiros que curtem o iPhone.

Tela não é revolucionária, mas é muito boa

Quem acompanhou os anúncios da Apple em setembro talvez tenha estranhado a empresa ter usado tecnologias de telas diferentes entre os novos aparelhos.

Diferentemente da tela Oled da linha iPhone XS, a empresa usou na versão XR uma tela LCD de 6,1 polegadas. O que isso significa na prática?

  • 52440
  • true
  • http://noticias.uol.com.br/tecnologia/enquetes/2018/09/12/voce-pretende-comprar-algum-dos-novos-iphones.js

Significa uma resolução menor (de 1.792 x 828 pixels) e uma tecnologia inferior na comparação com o outro modelo. Só que nem por isso a tela é ruim. A experiência de ver vídeos e jogar é ótima na versão mais simples do iPhone.

Coloquei o iPhone XR e o iPhone XS Max lado a lado e realmente existem diferenças. Se você for mais detalhista, com certeza vai notar que a melhor tela exibe mais cores, mais detalhes. Mas no uso do dia a dia muita gente nem vai perceber.

Falando do corpo do aparelho, o visual é bem do iPhone X. A diferença é que o XR tem um pouco mais de borda na tela e é um pouco maior. O acabamento também é diferente. Ele é feito com vidro na parte de trás e alumínio nas laterais.

Bateria e desempenho

Por falar em jogar, o processador do XR é o mesmo do celular mais potente da Apple até agora, o A12 Bionic. Jogos mais leves, mais pesados. Tudo fluiu bem. Vai ser bem difícil você ter algum problema com travamentos ou aplicativos fechando.

A bateria é um ponto que podia ser melhor. Não que ela seja ruim, mas pelo preço que a Apple está cobrando já era hora de a empresa vender celulares com mais potência.

De modo geral, ela fica na base dos tops de linha. Eu consegui em média um dia completo. Vez ou outra consegui até algumas horas a mais e isso foi bom.

Não tem câmera dupla, mas as fotos são ótimas

Agora vou falar do meu assunto favorito: as câmeras. O iPhone XR tem uma lente simples na parte de trás com 12 MP e é uma das grandes diferenças quando comparado com os irmãos iPhone XS e XS Max, que possuem lentes duplas.

Mesmo assim, não senti falta de uma segunda lente. Não sou especialista em fotografia, mas para o meu uso pessoal as fotos ficaram muito boas, com um bom equilíbrio de cores, nada de borrões e luz estourada.

Até em ambientes mais escuros, ele consegue bons resultados. Mesmo com uma lente só, o celular consegue fazer o efeito modo retrato (desfoque de fundo) via software.

$escape.getH()uolbr_geraModulos('embed-foto','/2018/iphone-xr-camera-principal-1542229634643.vm')

$escape.getH()uolbr_geraModulos('embed-foto','/2018/iphone-xr-foto-noturna-1542229702349.vm')

$escape.getH()uolbr_geraModulos('embed-foto','/2018/iphone-xr-efeito-de-luz-1542230387431.vm')

A câmera de selfie tem 7 MP, e o modelo utiliza as mesmas tecnologias empregadas no iPhone X do ano passado, como o reconhecimento facial. Segundo a Apple, o sistema de captura de fotos foi atualizado, e o desempenho é bem compatível com o dos outros iPhones lançados junto com ele.

$escape.getH()uolbr_geraModulos('embed-foto','/2018/iphone-xr-selfie-com-modo-retrato-ativado-1542229662222.vm')

$escape.getH()uolbr_geraModulos('embed-foto','/2018/iphone-xr-selfie-com-efeito-de-luz-1542229684104.vm')

Uma grande novidade presente em todos eles é que é possível ajustar o efeito modo retrato. Com isso, o usuário pode tirar a foto, ir na opção editar e controlar o quanto ele quer que o fundo fique desfocado.

O efeito é bem legal, mas saiba que vários celulares da concorrência já faziam isso. A Apple acabou chegando atrasada nesse ponto.

Custo-benefício

Investir tanto em um celular ou não investir? Essa resposta vai depender de algumas questões: a principal é: "Eu realmente preciso de um celular que seja tudo isso?".

Em alguns dias de testes, o único ponto ruim para mim foi a bateria, que podia ser melhor. De resto, é um celular excelente, mesmo sendo a versão mais simples da linha da Apple.

Por isso, se você gosta muito de iPhone e sonha em ter uma versão do celular, o iPhone XR merece o seu investimento. Como já foi dito, a versão mais barata custa R$ 5.199.

Agora, se você não liga para marca e deseja um celular que seja tão bom quanto ou até melhor em alguns aspectos, os Galaxy S9+, Galaxy Note 9 e LG G7 ThinQ podem ser ótimos para você.

$escape.getH()uolbr_geraModulos('embed-infografico','/2018/nota-iphone-xr-1542214727313.vm')

$escape.getH()uolbr_geraModulos('embed-infografico','/2018/diferenca-entre-iphones-1536959348952.vm')

iPhone XR: primeiras impressões

*Veja errata

Mais Tilt