Topo

Dá para desbloquear o S8 usando foto? UOL testou o reconhecimento facial

Gabriel Francisco Ribeiro

Do UOL, em São Paulo

22/05/2017 04h00

A função de reconhecimento facial que começa a aparecer nos celulares top de linha parece coisa de filme, não? Uma tecnologia moderna e futurista. Na prática, no entanto, ela é bem pouco segura.

Em tese, qualquer estranho – ou até alguém conhecido – usando uma foto sua pode desbloquear e utilizar seu celular. Mas será que isso funciona mesmo?

Testamos a função, usando um celular Galaxy S8+, o modelo mais moderno da Samsung.

E, surpresa! Conseguimos o desbloqueio.

Não é tão simples como parece. Não basta pegar uma foto da pessoa, colocar na frente do celular e destravá-lo. Em nossos testes, tentamos diversas posições até que o smartphone desbloqueasse com a foto impressa – mesmo assim, deu certo, o que é uma grave falha de segurança.

A própria Samsung avisa, quando o usuário configura o reconhecimento facial no aparelho, que aquela opção não é a mais segura, já que o telefone pode ser desbloqueado por alguém parecido com você (como gêmeos).

E, por isso, os celulares contam sempre com outros recursos para destravar, como impressão digital, senha, padrão, PIN e, mais recentemente, o recurso de reconhecimento de íris, muito mais seguro do que o facial.

Mas, como o reconhecimento facial é bem fácil de usar, ele acaba sendo atrativo para muitas pessoas. Por isso, fica o alerta.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Tilt