PUBLICIDADE
Topo

Microsoft vai deixar de usar a marca Internet Explorer no Windows 10

Do UOL, em São Paulo

17/03/2015 11h19

A Microsoft confirmou durante o evento Microsoft Convergence, realizado nos Estados Unidos, que a companhia vai deixar de usar o nome "Internet Explorer" para seu principal navegador no Windows 10 e que já considera algumas opções. A informação foi dita por Chris Capossela, da área de marketing da companhia de software. As informações são do site norte-americano "The Verge".

"Estamos pesquisando o que será a nova marca ou o nome de nosso navegador para o Windows 10. O Internet Explorer vai continuar, mas a gente também tem esse novo browser chamado provisoriamente de Project Spartan. Temos que dar um nome a ele", afirmou Capossela.

A ideia da Microsoft é ter dois navegadores no Windows 10, sendo que o Internet Explorer será mantido, principalmente, para o uso em ambiente corporativo. Na maioria das máquinas, o Project Spartan será a principal opção de navegação na web em dispositivos com o novo Windows.

Tela do navegador Project Spartan, da Microsoft; browser será o principal no Windows 10 - Divulgação - Divulgação
Tela do Microsoft Edge, da Microsoft; que vai ser o principal navegador no Windows 10
Imagem: Divulgação

A Microsoft tentou diversas vezes reverter a imagem negativa do Internet Explorer com campanhas publicitárias. No entanto, não obteve sucesso. Além disso, um dos responsáveis pelo navegador deixou a empresa em dezembro do ano passado, sinalizando uma nova era para o navegador.

Capossela disse que no processo de pesquisa para o novo nome a companhia pode colocar o nome "Microsoft" na frente, da mesma forma que ocorre com o Chrome  ("Google Chrome") e o Firefox ("Mozilla Firefox"). Segundo o executivo, em uma pesquisa feita no Reino Unido, o fato de usar o nome da companhia aumentou significativamente o apelo pela marca.