PUBLICIDADE
Topo

Corretor falha, e mulher pede para piscineiro ser amante (e ele aceitou!)

Getty Images/iStockphoto
Imagem: Getty Images/iStockphoto
Denise Tremura

Denise Tremura estudou Letras, é escritora, blogueira, leitora, twitteira, youtuber, palpiteira, web influencer engajada nas redes sociais e sempre atenta ao que vira tendência.

18/10/2020 12h12Atualizada em 19/10/2020 13h03

Os internautas ficaram empolgados com um tuíte sobre uma situação bem embaraçosa que viralizou neste final de semana. O corretor ortográfico pregou uma peça na mãe da jovem Manuella, de Florianópolis.

Ao combinar uma limpeza da piscina, sem querer ela o convidou para ser seu amante. E o piscineiro topou!

Manuella conta à coluna que a situação foi real. "À medida que o tuíte foi ganhando visibilidade, começaram a me pergunta se era fic [ficção], mas aconteceu sim. Foi bem natural: estava no carro com a minha mãe e ela me mostrou a conversa rindo, eu achei engraçado e tuitei para os meus amigos e do nada o celular começou a apitar sem parar"

A jovem comentou com sua mãe sobre a repercussão da história antes que chegasse até ela por meio de algum amigo. O piscineiro é solteiro, e ele e a mãe são amigos. "Foi muito legal ver o pessoal curioso com o desfecho da história. Minha mãe levou na brincadeira e comentou só um 'kkk'"

A autora do tuíte conta que jamais imaginou essa repercussão toda. "Postei como qualquer outro tuíte meu com o intuito de alcançar minha rede de amigos. Do nada as notificações começaram a pipocar no celular e eu tive que mutar [silenciar as notificações]. Recebi mensagem de professores, amigos e até parentes de outros estados me encaminhando o post. Vi pessoas que que eu sigo colocando nos stories sem imaginar que era eu ali."

A internet não perdoou. Para começar, tiveram que explicar o que é um piscineiro:

Bem, na verdade o piscineiro é o profissional que faz manutenção de piscinas.

Animados com a história, o pessoal começou a torcer pelo casal que se formou com a ajuda das peripécias da tecnologia:

Fizeram trocadilhos com a situação:

Observações perspicazes:

Rolou até promessa de fanfic (história imaginada com personagens reais ou fictícios):

E comparações com a indústria pornô foram inevitáveis:

Pelo visto não é tão raro o corretor colocar o dono do celular em situações constrangedoras:

Alguns ficaram com a pulga atrás da orelha:

Outros filosofaram sobre o tema:

Os empreendedores não perderam a chance de fazer seu jabá:

Enquanto os militantes politizaram outros temas:

Às vezes nem precisa corretor e a vergonha a gente passa ao vivo mesmo:

E sempre tem o lado bom da coisa:

E surge uma nova técnica de sedução: chega no crush e lança a braba, se a pessoa topar, ótimo! Se não topar a gente fala que foi o corretor e finge que nada aconteceu:

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.