PUBLICIDADE
Topo

Denise Tremura

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

'São muito carinhosos'; a história do professor que ganhou cabelo de alunos

Em zoeira que bombou no Twitter, alunos cortaram seus cabelos e deram ao professor de presente - Reprodução/ Twitter/ @profedworld
Em zoeira que bombou no Twitter, alunos cortaram seus cabelos e deram ao professor de presente Imagem: Reprodução/ Twitter/ @profedworld
Conteúdo exclusivo para assinantes
Denise Tremura

Denise Tremura estudou Letras, é escritora, blogueira, leitora, twitteira, youtuber, palpiteira, web influencer engajada nas redes sociais e sempre atenta ao que vira tendência.

22/03/2022 04h00Atualizada em 22/03/2022 11h01

Uma postagem mostrando o presente inusitado que um professor ganhou dos seus alunos viralizou no Twitter.

O professor de filosofia e sociologia, Edmundo Steffen, de Joinville (SC), compartilhou com seus seguidores os punhados de cabelos que ganhou dos seus alunos do 1° ano do ensino médio para fazer implante capilar e viu sua história virar hype na web.

Steffen afirma que o presente foi uma zoeira. "São muito carinhosos, mas brincam com o fato de eu ser calvo aos 24 anos (risos). Os alunos viram essa brincadeira no TikTok, que está acontecendo em várias partes do país, e quiseram replicar comigo", diz à coluna.

"Acredito que eles sabem do quão corrida é nossa rotina de professor e tentam deixar isso de alguma forma mais leve", acrescenta.

Nas replies, vários relatos de professores que também ganharam esse presente curioso:

E também outros tipos de presentes não convencionais para os queridos docentes:

Surgiu até uma fic de terror baseada no tuíte:

Edmundo Steffen diz que o fato de ser jovem facilita o diálogo com seus alunos.

"Eu consumo muitas das coisas que eles consomem quando o assunto é internet e arte (música, filmes, séries e jogos). A utilização é algo bem importante, algo que aprendemos na licenciatura é que o aluno não é uma folha em branco, na verdade, eles são cheios de informações. Saber utilizar essas informações já pré-estabelecidas e criar analogias com os conteúdos que precisamos lecionar em aula facilita muito o aprendizado, algo que Paulo Freire defendia ao longo de seus estudos: uma educação que dialogue com a realidade do educando".

O professor acredita que a filosofia e a sociologia são fundamentais para a formação do cidadão. "A filosofia é chamada de mãe de todas as ciências porque é dela que nascem as perguntas. Um cidadão que não questiona é um cidadão que está fadado a aceitar aquilo que lhe é imposto e deixar que terceiros decidam sobre seu rumo", afirma.

Ele pode ser encontrado nas redes sociais: Instagram, TikTok, Youtube e Twitch.

"O ensino por meio da cultura pop é como atuo nas redes sociais, fazendo analogias entre filosofia/sociologia e filmes, séries ou músicas do conhecimento do público em geral, um método para descomplicar as duas disciplinas", acrescenta.