Quem era PC Siqueira, youtuber encontrado morto aos 37 anos

Alerta: a reportagem abaixo trata de temas como suicídio e transtornos mentais. Se você está passando por problemas, veja ao final do texto onde buscar ajuda

O influenciador e youtuber PC Siqueira morreu aos 37 anos nesta quarta-feira, 27. Segundo nota da Polícia Militar do Estado de São Paulo enviada ao Estadão, ele foi encontrado morto em Santo Amaro, zona sul da Capital. Veja comunicado abaixo.

"A Polícia Militar foi acionada para atendimento de uma ocorrência na tarde desta quarta-feira (27) em Santo Amaro, zona sul da Capital. No local, o Samu já havia confirmado o óbito. O caso foi registrado pelo 11º DP (Santo Amaro) como suicídio consumado. Mais detalhes serão preservados devido à natureza da ocorrência", diz a nota enviada à reportagem.

Perfil

Natural de Guarulhos, na Grande São Paulo, PC Siqueira fez parte da primeira geração de grandes influenciadores do YouTube no Brasil. Com mais de 2 milhões de inscritos, ele ficou famoso a partir de 2010 com o canal Mas Poxa Vida. Lá, publicava vídeos descontraídos com opiniões sobre cultura pop, games e temas variados.

Outro gosto grande PC era pela culinária. Há 11 anos, o youtuber abriu o canal Rolê Gourmet de receitas, que contou com mais de 970 mil inscritos. Ao lado de Cauê Moura e Rafinha Bastos, ele também comandou o canal Ilha de Barbados.

Após ficar conhecido no YouTube, ele se tornou apresentador de TV entre 2011 e 2013. Na MTV, apresentou PC Na TV, Nunca Verão, MTV Games e Furo MTV. Em 2019, PC participou do reality show O Aprendiz, na Record TV, com Roberto Justus.

O influenciador também fez carreira no cinema. Segundo o IMDb, entre 2016 e 2017, ele participou de filmes como Internet - O Filme, Os Penetras 2 - Quem Dá Mais? e Going To Brazil.

Animais também eram presença constante na vida de PC Siqueira. No começo de seu canal no YouTube, o influenciador pediu para o público presenteá-lo com um cachorro. Depois disso, ganhou a Lola, um buldogue francês, que o acompanhou até 2017, quando morreu.

PC Siqueira também foi diagnosticado com uma doença degenerativa rara, a osteonecrose da cabeça femoral. Ele, inclusive, se submeteu a uma cirurgia no quadril para retirar um osso necrosado na cabeça do fêmur e mostrou a recuperação nas redes sociais.

Em 2020, PC foi acusado de pedofilia, mas uma investigação policial não encontrou provas do crime. Ele teve seus dispositivos eletrônicos apreendidos para perícia, entre eles computador, HD externo, celular e até videogame.

No relatório da Superintendência da Polícia Técnico-Científica (SPTC), da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, ao qual o site Notícias da TV teve acesso com exclusividade, os peritos concluíram que o youtuber não armazenou ou compartilhou fotos, ou vídeos de conteúdo pornográfico de menores de idade. Além disso, também não tinha conversas do influenciador com outras pessoas sobre o tema e ele tampouco fez buscas em sites de pesquisas a respeito do assunto.

PC Siqueira desativou seu canal no YouTube na época da acusação. Quando voltou a criar conteúdo para a plataforma, falou que passava por dificuldades financeiras e pediu doações. Ele também seguiu carreira como tatuador.

O youtuber sempre foi muito transparente com o público sobre sua saúde mental. No Natal deste ano, PC publicou uma mensagem comentando a data. "Feliz Natal para você que não tem família, não tem muitos amigos ou não tem grana para fazer festa. Você não está sozinho!", disse no Instagram.

Onde buscar ajuda?

Se você está passando por sofrimento psíquico ou conhece alguém nessa situação, veja abaixo onde encontrar ajuda:

Centro de Valorização da Vida (CVV)

Se estiver precisando de ajuda imediata, entre em contato com o Centro de Valorização da Vida (CVV), serviço gratuito de apoio emocional que disponibiliza atendimento 24 horas por dia. O contato pode ser feito por e-mail, pelo chat no site ou pelo telefone 188.

Canal Pode Falar

Iniciativa criada pelo Unicef para oferecer escuta para adolescentes e jovens de 13 a 24 anos. O contato com o Canal Pode Falar pode ser feito pelo WhatsApp, de segunda a sexta-feira, das 8h às 22h.

SUS

Os Centros de Atenção Psicossocial (Caps) são unidades do Sistema Único de Saúde (SUS) voltadas para o atendimento de pacientes com transtornos mentais. Há unidades específicas para crianças e adolescentes. Na cidade de São Paulo, são 33 Caps Infantojuventis e é possível buscar os endereços das unidades nesta página.

Mapa da Saúde Mental

O site Mapa da Saúde Mental traz mapas com unidades de saúde e iniciativas gratuitas de atendimento psicológico presencial e online. Disponibiliza ainda materiais de orientação sobre transtornos mentais.