Conteúdo publicado há 1 mês

Britney Spears corre 'grave risco' após fim de tutela, diz site

Britney Spears, 41, estaria com sua saúde mental prejudicada, correndo, até, o risco permanente de "machucar a si mesma". As informações são do TMZ.

O que aconteceu

Fontes próximas à cantora disseram ao site que ela estaria abusando de bebida e drogas, além de não estar tomando seus remédios como deveria.

As pessoas em questão ainda contaram ao veículo que Britney tem mudanças "radicais" de humor que, muitas vezes, culminam em agressões físicas.

A princesinha do pop não estaria conseguindo manter um diálogo racional: "Fomos informados de que Britney tem mudanças radicais de humor e muitas vezes entra em um estado de fúria que termina em violência física. Há momentos em que nos dizem que é impossível se comunicar com ela porque ela não consegue ter uma conversa racional".

Ao que tudo indica, Spears estaria permitindo que seu namorado, Paul Soliz, "administre sua casa e sua vida".

Em abril, o TMZ noticiou que ela e Soliz tiveram uma briga física após uma noite no hotel Chateau Marmont, na Sunset Strip, onde ela acabou seminua no corredor, gritando com quem estivesse por perto.

Uma ambulância foi chamada depois que Britney machucou gravemente o tornozelo.

Britney foi inicialmente colocada sob tutela em 2008. Seu pai, Jamie, e o advogado Andrew M. Wallet eram os tutores.

Imagem
Imagem: Reprodução/Divulgação

Deixe seu comentário

Só para assinantes