Conteúdo publicado há 1 mês

Por que morte de Gugu se tornou o 'ao vivo inesquecível' de William Bonner?

William Bonner, 60, participou ontem (11) do Festival Acontece, evento da Globo voltado para a produção contemporânea do audiovisual brasileiro, e surpreendeu ao revelar o seu "ao vivo inesquecível".

O que aconteceu

Perguntando pela jornalista Mariana Gross no evento, ele respondeu que uma edição inesquecível do Jornal Nacional foi no dia da morte do apresentador Gugu Liberato, em 2019. A notícia chegou à redação do telejornal enquanto ele já estava no ar.

Naquele ano, o Jornal Nacional completava 50 anos e recebia apresentadores de afiliadas para assumir a bancada. Um dia antes, às sextas-feiras, Bonner e Renata Vasconcellos recebiam os escolhidos. Em uma dessas sextas, a notícia da morte de Gugu pegou todos de surpresa e deixou todos emotivos.

Eles estavam, talvez, no momento mais curioso de suas carreiras, iam apresentar o Jornal Nacional representando os seus estados naquela bancada. Eles entraram e, ao sentarem ali, a primeira coisa que fizeram foi prestar homenagem ao Gugu Liberato. Depois disso, a gente estava muito emocionado, a gente fez a conversa [programada]: 'Como recebeu a notícia que apresentaria o jornal? William Bonner

Momentos inesquecíveis

Bonner reconheceu que essa é uma resposta inusitada. "[Já fiz] Guerra do Golfo, transmissão de eventos, debates [eleitorais] que são sempre muito difíceis, como o 'Padre Kelmon' [risos], mas que dão para a gente respirar. Numa dessa [como a morte do Gugu] não tem respiro. Era uma coisa que eu não estava esperando. Acho que foi a transmissão mais difícil."

O jornalista participou de painel sobre a relevância das transmissões em tempo real para o público. "O ao vivo é o combate à solidão", definiu William Bonner, editor-chefe do Jornal Nacional. A importância da tecnologia no ao vivo também foi destaque em falas de Joana Thimoteo, diretora de eventos esportivos da Globo, e Raoni Carneiro, diretor de gênero da Globo, e Daniel Ferro, fundador da Produtora Ferrorama, parceira da Globo.

Bonner, que foi um dos mais aplaudidos do dia, ainda foi tietado por MC Cabelinho — que falou de sua trajetória na palestra anterior ao do jornalista. "Eu queria dizer que eu não estava nervoso, mas quando vi o William Bonner na plateia comecei a ficar", disse MC Cabelinho ao ver o jornalista. Bonner, ao final da fala do rapper, dez questão de levantar para cumprimentá-lo e tirar fotos.

Festival Acontece

Profissionais da Globo e do mercado se reuniram para debater o audiovisual nos Estúdios Globo. Inteligência artificial, fortalecimento do conteúdo nacional, a produção de séries e a realização de novelas estiveram em pauta.

Continua após a publicidade

Nomes de peso estiveram no evento, como Juan Julian, Elisio Lopes, Rosane Svartman, Renata Martins, Jorge Furtado, Fernanda Jolo, José Luiz Villamarim, Dira Paes, George Moura, Raphael Montes, Manoela Zozimo, Fábio Mendonça. Renata Andrade, Thaís Pontes e Aline Midlej.

Deixe seu comentário

Só para assinantes