Conteúdo publicado há 22 dias

Cantora Lizzo posta desabafo, critica haters e avisa fãs: 'Eu desisto'

A cantora americana Lizzo publicou forte desabafo, nesta sexta-feira (29), no qual critica haters e conclui o texto com mensagem enigmática.

O que aconteceu

A artista de 35 anos, dona de hits como "Truth Hurts", "Cuz I Love You" e "About Damn Time", destacou ataques que vem enfrentando, nas redes sociais, e mentiras que estão sendo contadas, segundo ela.

Lizzo finaliza o recado com a frase "eu desisto", sugerindo então que pode encerrar com a carreira.

Estou ficando cansada de lidar por ser criticada por todos na vida e na internet. Tudo que eu quero é fazer música e fazer as pessoas felizes e ajudar o mundo a ser um pouco melhor do que eu encontrei. Mas estou começando a sentir que o mundo não me quer nele. Lizzo, cantora americana

Estou constantemente enfrentando mentiras sendo contadas sobre mim por visibilidade e visualizações... sendo o alvo da piada toda as vezes por causa de como eu pareço. Minha personalidade sendo despedaçada por pessoas que não me conhecem e desrespeitando meu nome. Não me inscrevi para essa merda — eu desisto.

No ano passado, a estrela americana já havia indicado que estaria "perto de desistir" após receber uma enxurrada de comentários gordofóbicos.

Denúncias por assédio

Recentemente, a cantora pediu o arquivamento de ação após seus três ex-dançarinos denunciarem a artista. O trio a acusa por assédio sexual e moral, além de religioso e discriminação. Um juiz de Los Angeles (EUA), no entanto, rejeitou o pedido de Lizzo, conforme a revista Billboard.

Ainda que o pedido da cantora tenha sido negado, algumas denúncias dos dançarinos foram rejeitadas. Entre elas estão, um acusação de assédio sexual em uma sessão de fotos nuas no reality show de Lizzo, reclamação de discriminação por deficiência e uma alegação de que a equipe de Lizzo impediu os dançarinos de aceitarem outros trabalhos.

Continua após a publicidade

A cantora terá que enfrentar um julgamento por outras denúncias. Assim como Lizzo, a chefe de sua equipe de dança, Shirlene Quigley, também encara acusações de assédio sexual, discriminação racial e religiosa. Desde a divulgação da denúncia, Lizzo afirma que as acusações são falsas.

Deixe seu comentário

Só para assinantes