Conteúdo publicado há 3 meses

Elisa Sanches, ex-atriz pornô, diz que 'oferta de drogas' é comum no meio

A ex-atriz pornô Elisa Sanches, 42, comentou, ontem, em comunicado à imprensa, os casos de abuso de drogas na indústria do conteúdo adulto. Elisa, que é uma das mais famosas no ramo, disse que muitas recorrem a substâncias ilícitas para melhorar a performance durante as gravações.

O que aconteceu

Elisa abriu o jogo sobre a presença das drogas na indústria pornográfica: "A oferta de drogas é uma realidade comum no mundo das gravações. Começa como algo ingênuo, oferecendo algo para o ator ficar mais extrovertido nas cenas, aguentar mais tempo. E quando se dá conta, eles não conseguem mais sair disso"

Cocaína, maconha e metanfetamina são recorrentes nos bastidores das gravações: "O ambiente de alta pressão e as longas horas de trabalho normatizam o uso de drogas, é como uma maneira de lidar com o estresse e manter a energia durante as filmagens"

Acesso fácil: "Eu já vi drogas de vários tipos. Além disso, eu percebo que o acesso às drogas é muito fácil ali, tudo contribui para essa dinâmica"

Nem todos consomem: "Apesar da grande oferta, tem muita gente profissional e que trabalha muito para manter um ambiente seguro e saudável. Eu sempre conscientizo os meus colegas de profissão que estão chegando nesse mercado em relação a isso, é tudo muito arriscado, então já 'mando a real' sobre o quão perigoso pode ser experimentar essas coisas. Não precisamos nos drogar para fazer bem o nosso trabalho".

Deixe seu comentário

Só para assinantes