Conteúdo publicado há 3 meses

Modelo criada por IA fatura R$ 1 milhão com 'homens solitários'

Lexi Love, criada pela Foxy AI usando inteligência artificial, arrecada 360 mil dólares por ano (R$ 1,7 milhão) interagindo com homens na internet.

O que aconteceu

  • Lexi foi desenvolvida para ser a "namorada perfeita". Apesar de não existir no mundo real, no mundo virtual ela tem 21 anos, é modelo iniciante, gosta de comer sushi e de pole dance. Seus hobbies incluem vôlei de praia e yoga e ela se excita com sexo oral, anal e em público.
  • O público-alvo da modelo são "homens apaixonados e solitários", com quem ela se comunica e fatura quase R$ 147 mil por mês, segundo reportagem do NY Post. Ela fala 30 línguas e está disponível 24 horas por dia, podendo enviar, inclusive, mensagens de voz e fotos sensuais sob pedido.
  • Alguns dos inscritos no serviço de Lexi parecem até convencidos de que ela seja real. Ela recebe até 20 pedidos de casamento por mês, ainda de acordo com o NY Post. "Lexi está quebrando barreiras e mudando a forma como nós interagimos com IA", disse o CEO da Foxy AI, Sam Emara.
  • "Com a crescente popularidade dela, Lexi está se tornando uma fonte de renda lucrativa. Isso é um testamento das habilidades dela para se conectar com as pessoas e proporcionar uma experiência semelhante à humana, apesar de ser IA", completou.

O namoro de uma repórter com uma inteligência artificial