PUBLICIDADE

Topo

Churrasco de espetinhos é prático e democrático; aprenda dica de ouro

Bruno Salomão

Colaboração para Nossa

08/07/2021 11h00

Nem tudo que é bom acaba. A série especial de Nossa "Vai Ter Churras" é um exemplo disso. A segunda temporada estreia nesta quinta (8) e promete levar aos leitores e espectadores de UOL novas dicas para deixar o seu churrasco ainda mais saboroso.

Para inaugurar o novo cenário, o especialista Bruno Salomão mostra como obter o melhor dos espetinhos de filé-mignon, bombom de alcatra, coxa de frango, linguiça e vegetais na grelha.

Para o apresentador, a pedida adorada por aí representa a evolução gastronômica que aconteceu nos primórdios da humanidade em diversas partes do mundo.

Cada povo tem a sua versão. É a caça colocada num pedaço de madeira e levada ao fogo".

Vai Ter Churras - Espetinhos - UOL/Nossa - UOL/Nossa
Espetinhos variados: linguiça, frango e carne bovina
Imagem: UOL/Nossa

Democráticos, os espetinhos possuem porções iguais de comida — geralmente, 100 gramas — para que todos tenham acesso a mesma quantidade de alimento. "É uma base de integração entre pessoas".

Os pedaços que vão no palitinho podem ser de carnes nobres ou populares. Bruno mistura linguiça, que deve ser pré-cozida em água por cerca de 5 minutos, com carne bovina temperadinha.

Já o frango precisa ir separado por conta do ponto: deve estar sempre bem passado para evitar problemas. Quem não come animais encontra saída na versão de vegetais, que combina abobrinha, pimentão, cebola-roxa e cogumelo shiitake.

Espetinhos combinam com saladinha de feijão-verde - UOL/Nossa - UOL/Nossa
Espetinhos combinam com saladinha de feijão-verde
Imagem: UOL/Nossa

Seja qual for o "match", os espetinhos são sempre pratos. Dá para pegar na mão e sair andando comendo. Mas um acompanhamento vai bem. No programa, o churrasqueiro ensina uma saladinha fresca de feijão-verde com tomate e coentro.

Dica de ouro

Palitinho de madeira na churrasqueira pega fogo? Sim, mas Bruno ensina como evitar o problema e não transformar carnes em "carvão". Meia hora antes de montar os espetinhos, prepare um pote com água e deixe-os mergulhados lá dentro. Úmidos, eles resistem à brasa e garantem o churrasco prático e democrático como deve ser.

"Gente como a gente"

Vai Ter Churras - Espetinhos - UOL/Nossa - UOL/Nossa
Diversão na brasa é com Bruno
Imagem: UOL/Nossa

Natural de São Luís (MA), Bruno trabalhou como publicitário no ramo de engenharia industrial antes de cursar o que realmente queria: gastronomia.

A jornada profissional começou ao ocupar a opção de sous-chef num restaurante de Campinas a convite de um professor da faculdade. A rotina, no entanto, não era das mais atrativas: "Era um trabalho de escritório só que dentro da cozinha".

Bruno tomou coragem para sair do trabalho e, com a ajuda de uma produtora, começou a produzir seus primeiros conteúdos no canal, em 2017. O nome escolhido para o batismo foi "Cansei de Ser Chef" — uma boa tradução do que ele sentia à época.

Ele se encontrou na linguagem sem filtros e divertida, que tenta desbancar a figura de um chef sério que segue tudo à risca:

Queria que me vissem como iguais. Alguém que brinca erra, fala besteira e derrama as coisas".

Vai Ter Churras - Espetinhos - UOL/Nossa - UOL/Nossa
Versão de vegetais fica mais bonita com cubinhos do mesmo tamanho
Imagem: UOL/Nossa

Na 2ª temporada do "Vai Ter Churras", o cozinheiro une conhecimento, cultura e muito humor em oito episódios na brasa.

Fique ligado!

Confira todas as quintas um novo episódio no site de Nossa, no UOL Play ou no YouTube de Nossa (inscreva-se já para receber as atualizações fresquinhas). E acompanhe mais conteúdos no Instagram de Nossa.